Chromebook 13 – Novo Notebook da HP

  

Computador deverá ter uma versão com 16 GB de Memória RAM.

A HP revelou seu novo Chromebook 13, que promete desempenho de sobra até para os usuários mais exigentes. O notebook é equipado com o sistema operacional do Google (o Chrome OS) e apresenta um acabamento de qualidade, além de especificações de hardware que colocam o laptop no mesmo nível do Pixel, lançado recentemente pelo Gigantes das Buscas. Haverá uma versão de 16 GB de memória RAM para o Chromebook da HP, o que deverá dar um desempenho espetacular para a máquina que já conta com um sistema leve.

O novo notebook apresenta uma outra qualidade interessante. Sua tela apresenta uma excelente resolução de 3200 x 1800 pixels. O laptop também conta com o sistema de áudio da Bang & Olufsen para proporcionar a melhor experiência sonora para os usuários. Ele é fino, com uma espessura de 12,9 mm. A HP aposta em configurações topo de linha para conquistar os consumidores que se identificam com os serviços do Google.  Seu notebook conta com armazenamento SSD de 32 GB, além de disponibilizar suporte a leitor de cartões microSD.

Em todas as suas versões, o Chromebook 13 acompanha duas portas USB-C, novo padrão utilizado pela indústria tecnológica. Com isso, será possível conectar até três monitores simultâneos com o suporte disponibilizado de maneira nativa pelo Chrome OS.

A máquina conta com uma bateria que, segundo a HP, suporta até 11,5 horas longe de uma fonte de energia.

Os valores do Chromebook 13 são diferentes conforme as configurações. A melhor delas sai por US$ 1.029 (R$ 3.600 na conversão direta, sem impostos). Esse modelo oferece um processador Intel Core M7, da mais recente geração Skylake. Já na versão de entrada do computador, o preço fica em US$ 499 (R$ 1.740). Neste valor, o consumidor consegue um processador Pentium e 4 GB de memória RAM.

Ainda não há qualquer previsão de chegada do novo produto da HP no Brasil. Vale a pena lembrar que os Chromebooks tem ganhado a atenção do Google, uma vez que breve deverá ser possível executar aplicativos Android no Chrome OS. Com isso, o sistema ganharia milhões de aplicativos oriundos do sistema operacional móvel da empresa americana. Resta esperarmos para ver quais serão os planos do Google para seu sistema.

Por William Nascimento

Fonte: Notebook Online – www.notebookonline.org

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *