Últimas

Cruzeiro trabalha em três frentes por novo técnico para ficar até 2017

Os diretores do Cruzeiro Bruno Vicintin e Thiago Scuro estão viajando para tentar finalizar as buscas de mais de duas semanas e finalmente fechar com seu novo treinador. Mas a possibilidade de começar o Brasileirão neste domingo sem a novidade não está descartada. No Brasil, o superintendente de futebol Sérgio Rodrigues não estipula prazo para o anúncio.

“O trabalho está sendo feito, não existe desespero da nossa parte, vamos fazer a coisa certa. Estamos sendo criteriosos. É o Thiago (Scuro) tentando de um lado, o Bruno (Vicintin) do outro, eu também. A gente está buscando um melhor nome, para ficar até 2017”, comentou Rodrigues, em entrevista à Rádio Itatiaia.

Neste momento, o nome do português Paulo Bento surge como favorito da diretoria. O diretor de futebol Thiago Scuro já está em Lisboa para tentar convencer o treinador de retornar ao futebol no comando do Cruzeiro. Desde que deixou a seleção lusitana, após a Copa do Mundo de 2014, Bento não esteve à frente de nenhuma outra equipe. O vice-presidente Bruno Vicintin também está fora do país à procura de outros alvos. Reinaldo Rueda, do Atlético de Medellín, ainda não está totalmente descartado, apesar de ter esfriado bastante por causa do bom momento do seu time na Copa Libertadores. O terceiro nome ventilado que surge como opção é Fernando Jubero, atualmente no Olimpia-PAR.

Por enquanto é Geraldo Delamore que continua como treinador interino do Cruzeiro. Na noite da última terça-feira, o auxiliar técnico esteve mais uma vez à frente da equipe. Diferente da vitória contra o Campinense, na semana passada, o time celeste apresentou um rendimento bem superior no triunfo contra o Londrina, também pela Copa do Brasil, jogando bem, vencendo por 2 a 0 e evitando o jogo da volta, em Belo Horizonte.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *