Últimas

Danilo entra 'na fogueira', Casemiro 'monstro' e os brasileiros na decisão da UCL

Real e Atlético de Madrid se enfrentaram no San Siro neste sábado, com os merengues vencendo nos pênaltis e conquistando ‘La Undécima’

Quatro brasileiros estiveram em campo na grande final da Liga dos Campeões deste sábado entre Real e Atlético de Madrid no San Siro. Implacável na marcação, Casemiro foi um dos principais destaques da equipe merengue, sem deixar espaço para os colchoneros no meio-campo.

O brasileiro foi o pulmão do Real Madrid e teve números expressivos na partida. Com 91% de precisão no passe, Casemiro foi um monstro durante todo o jogo, com um total de 65 passes, e 72% de disputas ganhas.


Casemiro x Atlético de Madrid na final da UCL:


Criticado por fracas atuações no decorrer da temporada, Danilo teve a sua chance de ouro aos 6 minutos da segunda etapa, após Carjaval se lesionar e ter que ser substituído. O lateral foi sólido no setor defensivo, apesar de ser superado pelo inspirado Carrasco em alguns momentos.

 Getty Images

Na outra lateral, Marcelo também foi firme na defesa, mas não teve muito espaço para criar jogadas de perigo no ataque. Escolhido por Zidane para cobrar um dos pênaltis, o brasileiro mostrou maturidade e converteu a sua cobrança, mantendo as chances de título do Real Madrid.


Números de Marcelo na partida:


Único brasileiro do Atleti, Filipe Luís esteve em campo por 109 minutos e foi substituído no início do segundo tempo da prorrogação por cansaço físico. O lateral teve uma boa atuação, com 67 passes e 91% de precisão. 

  Getty Images


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
Repercussão: grito de CR7, Zidane e Sergio Ramos | Leia a crônica da final | UCL: todos os campeões



Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *