Últimas

Ecclestone critica proteção extra para cockpits: 'Não vai salvar ninguém'

  • Twitter/Reprodução

Muito esforço para pouco resultado. É a opinião do chefão da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, a respeito da instalação da proteção de cockpit, que deve virar realidade a partir da próxima temporada.

“Não gosto da aerotela e não acho que isso vai salvar ninguém”, afirmou Ecclestone em entrevista coletiva no GP da Rússia.

A proteção, contudo, passou por testes de segurança e aguentou o impacto de um pneu de 20kg lançado a uma velocidade de 225km/h. A grande preocupação é justamente com o impacto de peças do carro no capacete, responsável por algumas mortes mais recentes no automobilismo, como do britânico Justin Wilson na F-Indy.

Para Ecclestone, contudo, a proteção só tem um ponto positivo: pode ajudar a tornar as corridas mais imprevisíveis.

“Como tudo na vida, você precisa olhar do lado positivo e a única coisa boa é que vamos ter vários pit stops porque eles vão precisar entrar nos boxes para limpar a tela.”

A decisão final sobre a adoção da proteção extra no cockpit deverá ser tomada antes de 1º de julho, de acordo com a Federação Internacional de Automobilismo. Estão ‘concorrendo’ as soluções da Red Bull – a aerotela, testada na Rússia – e da Mercedes – o halo, testado pela Ferrari na pré-temporada.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *