Últimas

Editorial: Dicas preciosas para economizar água

Um bom exemplo ensina mais que palavras, costumam dizer educadores. E se essas práticas partem de artistas reconhecidos? O efeito educativo certamente pode ser ainda maior junto à população. Imagine, então, seis representantes da música nordestina contando seus segredos para economizar água em suas rotinas domésticas. As respostas, além de curiosas, orientam em um momento onde a estiagem no estado está em seu quinto ano consecutivo. Além disso, dicas de como poupar esse bem finito são sempre bem-vindas. 

Irah Caldeira, por exemplo, revela ter práticas sustentáveis em sua cozinha. Portanto, nada de lavar frutas, legumes e hortaliças em água corrente, ensina. Em substituição, a cantora usa um recipiente e deixa o alimento no molho. Ao descongelar um alimento, Irah também prefere retirá-lo do freezer para colocá-lo na geladeira no dia anterior. 

Josildo Sá garante somente lavar os pratos com pouca água e Maciel Melo ensina como é possível fazer a barba apenas com uma toalha molhada e um copo. Nonô Germano atenta para uma outra dica importante: aconselha moradores de prédios e condomínios fechados a fazerem inspeções regulares à procura de vazamentos de água. Já Silvério Pessoa apela para as pessoas tomarem banhos mais rápidos, abrindo o chuveiro apenas no início e no final do banho. 

Todas essas informações estão em vídeos estrelados pelos artistas a pedido da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Em sintonia com o meio ambiente, eles abriram mão de seus cachês. Os curtas fazem parte da campanha cujo slogan é Poupar água faz parte da nossa cultura. 

Os vídeos estarão nos canais institucionais da Compesa na internet, como a TV Compesa (https://www.youtube.com/ user/tvcompesa), e nas redes sociais Facebook e Twitter. Também será divulgado pelo aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp para o público interno. Realizar pequenas mudanças na rotina em prol da economia desse bem cada dia mais escasso na natureza é possível. E os artistas são prova disso.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *