Últimas

Eletrobras diz que não é responsável por incidente que deixou animal morto e sete pessoas com choques elétricos

Responsabilidade seria do município de Santana do Ipanema

 

A Eletrobras emitiu nota durante o dia de hoje afirmando que não é responsável pelo cabo eletrico que causou a morte de um cavalo e deixou sete pessoas vitimas de choque elétrico em um dos trechos da BR-316, ao lado do Fórum da comarca da cidade de Santana do Ipanema, Sertão de Alagoas.

A proprietária do animal, uma agricultora, relatou que passava pelo local em cima de uma carroça puxada por um burro, quando ela, três filhos e três netos menores foram surpreendidos pela descarga. O animal teria passado por uma poça de água da chuva que fazia contato com a fiação elétrica de um redutor de velocidade.

O animal não resistiu e morreu no local, enquanto a mulher e as crianças ficaram penduradas na carroça, o que teria evitado serem atingidas por uma descarga maior.

O caso foi registrado na 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil (PC) através de um Boletim de Ocorrência (BO). A agricultora, que não teve o nome divulgado, disse que deseja ser indenizada pela morte do animal.

Nota de Esclarecimento – Santana do Ipanema (Acidente com Cavalo) 

A Eletrobras Distribuição Alagoas esclarece que o cabo partido e energizado na BR 316, que teria causado a morte de um cavalo no município de Santana do Ipanema, não é de responsabilidade da Distribuidora.

O fio fazia parte da estrutura de um redutor de velocidade, cujo equipamento é do órgão de infraestrutura de trânsito. A Eletrobras foi ao local apenas para suspender o fornecimento de energia, a fim de evitar novos acidentes.

 

Minuto sertão

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *