Últimas

Eu era um pesadelo para quem trabalhava comigo, diz Demi Lovato

Cantora foi internada em 2012. Foto: Anna Webber/Getty Images
Cantora foi internada em 2012. Foto: Anna Webber/Getty Images

Após protagonizar um ensaio fotográfico para a revista Refinery 29, a cantora Demi Lovato revelou detalhes sobre a época em que se envolveu com drogas e bebidas. “Antes de ficar sóbria, eu era uma dessas pessoas que não ligavam para nada e usava isso como desculpa para fazer tudo que eu queria. Eu era um pesadelo para quem trabalhava comigo. Uma vaca. Uma tremenda vaca”, relatou.

Cada vez mais longe da rehab, Demi Lovato mostra confiança em novo disco

“Eu tive que aprender da pior maneira que não posso mais ir para festas. Algumas pessoas podem sair e não perder o controle, mas esse não é o caso para mim”, contou a dona de sucessos como Confident. “Cheguei a um ponto em que prefiro ficar relaxada do que me arrumar toda e ir para uma festa ou casa noturna com pessoas que não se importam de verdade com meu bem estar”, completou.

No início do ano, a cantora usou o Twitter para comemorar os quatro anos desde que deixou a reabilitação. “Não acredito que se passaram quatro anos. Tudo é possível”, escreveu no Twitter. Em 2012, a norte-americana foi diagnosticada com distúrbios alimentares e mentais. Na época, ela precisou abandonar a turnê do filme Camp Rock, que seguiu agenda com os demais artistas do elenco da produção.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *