Últimas

"Eu não acredito!": celebração do América-MG tem provocação com grito rival

Começou minutos após o jogo e continuou no desfile no carro de bombeiros. O América é campeão mineiro de 2016 e não faltou provocação ao rival Atlético-MG, vice deste ano. Horas depois de erguer a taça, os jogadores do Coelho começaram uma trajetória que saiu do Mineirão com destino ao Independência. No caminho, os atletas de Givanildo ironizaram o mantra que ficou famoso na torcida alvinegra e gritaram “eu não acredito”. Danilo, herói da final com três gols marcados, comentou no fim da partida que o favoritismo do Atlético serviu como combustível para os americanos.

“Sou o jogador mais velho de casa. A gente viu a faixa do Atlético-MG de bicampeão mineiro, fizemos questão de colocar isso no nosso vestiário. Não como provocação, mas para mostrar que a gente tem que respeitar o América-MG. O Clube que tem a estrutura que tem, a força que tem. Foi uma questão de honra”, disse o lateral.

O América-MG não era campeão mineiro desde a temporada de 2001. Neste ano, o clube passou por instabilidades no início do ano, e o trabalho do técnico Givanildo Oliveira chegou a ser questionado na equipe. O time ainda brigou até a última rodada da primeira fase para conseguir se classificar na quarta e última colocação. Na fase de mata-mata, bateu de frente com os gigantes Cruzeiro e Atlético e eliminou os dupla principalmente por fazer bem seu dever de casa no Independência, vencendo a primeira partida e empatando o segundo jogo.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *