Últimas

Fábio Assunção e Pally Siqueira desmentem saída dela de Totalmente Demais e criticam jornal

Pally Siqueira e Fábio Assunção em foto postada nas redes sociais. Instagram/divulgação
Pally Siqueira e Fábio Assunção em foto postada nas redes sociais. Instagram/divulgação

Os ator Fábio Assunção e a atriz pernambucana Pally Siqueira emitiram uma nota pública, por meio da assessoria de imprensa da Globo, para negar a informação de um suposto pedido dele para afastá-la da novela Totalmente demais, exibida na emissora na faixa das 19h. O jornal Extra, pertencente às próprias organizações Globo, havia noticiado uma ingerência dele junto ao núcleo de direção do folhetim para retirá-la da trama.

De acordo com a matéria do jornal carioca, o casal teria brigado nos bastidores. E Pally, segundo a publicação, já havia exigido mais destaque na novela na qual interpreta a funkeira Bárbara. A nota enviada pela Globo classifica o teor da reportagem como especulação e desmente o suposto pedido feito pelo ator em relação à atriz com quem, diz o texto do comunicado, ele “tem um relacionamento”.

Confira a íntegra da carta:

Aos queridos leitores do Extra:

A imprensa é livre e deve assim permanecer. São os jornalistas sérios, éticos e investigativos, que garantem que a sociedade tome conhecimento de fatos importantes e relevantes para todos.

No entanto, algumas vezes nos deparamos com excessos que nos surpreendem. E quando uma notícia sem fundamento nos atinge é necessário corrigi-la, pois nada pior do que aceitar calado uma inverdade.

É o caso do último sábado, dia 30, quando uma nota publicada na coluna assinada pelo Sr. Leo Ferreira se distanciou do bom jornalismo.

Ele afirma que a artista plástica, estudante de psicologia e neurociência e atriz Pally Siqueira de 23 anos, com quem tenho um relacionamento, “andou dizendo que merecia mais destaque na trama de Totalmente Demais”, novela que fazemos juntos, o que dá a entender que ela é uma espécie de alpinista profissional, que namora por interesses secundários.

Este colunista continua então afirmando que eu e ela tivemos um “barraco” que foi mal visto pela direção da novela e que isso “queimou o filme dela”. Para completar escreve que eu, em função disso, pedi que ela fosse afastada da novela.

Adicionalmente, publicou uma foto dela parcialmente nua, foto que foi feita para a campanha “o corpo é meu e faço o que eu quiser” de cunho exclusivamente politico, onde ela se posiciona – junto com mais milhões de mulheres que publicaram fotos nas mídias sociais – contra projetos de lei que desfavoreciam as mulheres vitimas de aborto e estupro. Uma foto que não pertence ao universo erótico.

Mesmo estando acostumados com a inconsistência do chamado “jornalismo de celebridades” – que não apura a veracidade dos fatos, que não nos dá o direito de esclarecer a verdade e que publica falsas notícias arbitrariamente, protegido por fontes obscuras – eu repudio veementemente essa matéria que fere meus princípios éticos e nos traz danos morais, a mim e a Pally.

Trata- se de uma noticia falsa e mentirosa em todos os aspectos, coloca nossa equipe de diretores num lugar de futilidades egóicas e nosso núcleo de dramaturgia de forma torpe. Nada disso é verdadeiro. Somos uma equipe de profissionais trabalhando muito para levar entretenimento, arte e reflexão para todos. Gostaríamos de ser tratados com respeito.  O mesmo respeito que dedicamos ao trabalho que fazemos.

Um beijo ao público.

Fabio Assunção
Pally Siqueira

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *