Últimas

Hotel onde Ana Hickmann sofreu atentado afirma que fã tinha reserva e que segue protocolos de segurança

A rede de hotéis responsável pelo estabelecimento onde a apresentadora Ana Hickmann viveu momentos de terror na tarde de sábado, em Belo Horizonte, divulgou comunicado afirmando que o fã da ex-modelo, Rodrigo Augusto de Pádua, de 30 anos, havia feito reserva com dados pessoais próprios. Ele invadiu o quarto onde Ana estava hospedada e tentou matá-la. Ele disparou contra a cunhada da apresentadora Giovana Oliveira e foi morto com dois tiros na nuca pelo cunhado de Ana, após 20 minutos de ameaças. O hotel destacou que segue todos os protocolos de segurança. Depois de um fim de semana de pânico e movimento de policiais e jornalistas, o clima hoje era de aparente normalidade.

“A rede Caesar Business confirma que a apresentadora Ana Hickmann foi vítima de um suposto fã, também hóspede do hotel, na tarde do último sábado, 21 de maio, na unidade Belvedere, em Belo Horizonte. Afirma ainda que a reserva foi realizada com os dados pessoais dele. A unidade segue todos os protocolos de segurança do setor hoteleiro e a revista nos pertences dos hóspedes não faz parte dessas determinações. O hotel lamenta o ocorrido e afirma que está contribuindo para as investigações junto às autoridades”

Ana não tem data para voltar às gravações do programa “Hoje em dia”. Segundo a assessoria de comunicação da Record, a apresentadora está muito abalada. A atração segue sob o comando de Ticiane Pinheiro, César Filho e Renata Alves.

Fonte: Jornal Extra (http://extra.globo.com)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *