Últimas

Impeachment: jogos para você defender ou tirar a presidente do cargo

Nesta quinta-feira, 12, o Senado aceitou o pedido de abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), que será afastada por 180 dias, enquanto o vice-presidente Michel Temer (PMDB) assume interinamente o poder.

Apesar da situação política delicada pela qual o país está passando, os brasileiros não perdem o senso de humor. Além das reações na internet, como memes e piadas nas redes sociais, também foram desenvolvidos jogos relacionados aos acontecimentos dos últimos meses.

O mais recente é o “Impeachment – Dia de Fúria”. O jogador assume o papel da presidente e tem como missão matar os opositores no menor tempo possível. Entre as armas do arsenal estão pistolas, granadas e metralhadoras.

Outro game que foi lançado há cerca de um mês é o “Super Impeachment Rampage”. O objetivo é ajudar Dilma a escapar do processo de afastamento. No jogo, a presidente precisa pular para evitar obstáculos, como coxinhas, manifestantes e fotógrafos; enquanto isso, ela está sendo perseguida por Sérgio Moro, Eduardo Cunha, Temer, Aécio Neves, entre outros personagens.

Logo após a votação dos Deputados sobre o caso, foi lançado também o “Angry Wyllys”. Na sátira, o jogador deve ajudar o deputado Jean Wyllys (PSOL) a cuspir nos políticos corruptos e da oposição.

Tem também o “Impeachment Simulator”, um game mais antigo que faz referência aos panelaços. O jogador adquire panelas e utensílios para conseguir pontos e realizar o processo.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *