Inteligência e paciência. Atlético-MG planeja como "esfriar" torcida do SP

Um adversário motivado e uma torcida inflamada. É isso que espera o Atlético-MG nesta quarta-feira, às 21h45, no Morumbi. A pressão vai ser muito grande para que o São Paulo consiga um bom resultado no primeiro jogo das quartas de final da Copa Libertadores.

A confiança da torcida tricolor está nas alturas. Os quase 51 mil ingressos colocados à venda se esgotaram dois dias antes da partida. O público, no entanto, deve passar de 60 mil pessoas, considerando a venda de camarotes e as cadeiras cativas. Com a vantagem de poder fazer o segundo jogo em Belo Horizonte, o Atlético sabe muito bem como superar as adversidades e conseguir um bom resultado no Morumbi.

Jogar com inteligência. É o discurso dos jogadores alvinegros. Fazer a torcida diminuir o ritmo durante a partida e acalmar a pressão é algo que pode ajudar. “Totalmente um jogo de inteligência, é a prioridade do nosso time. Inteligência do jogador de futebol para enfrentar uma partida como essa”, comentou o zagueiro Erazo, que recentemente passou por uma experiência semelhante saiu vencedor.

Titular da seleção do equador, o camisa 4 do Atlético marcou um dos gols no triunfo do Equador sobre a Argentina por 2 a 0, no Monumental de Nuñez, pelas Eliminatórias da Copa Mundo de 2018. A partida que aconteceu no segundo semestre do ano passado é um dos exemplos para o Atlético. Erazo se mostra confiante na capacidade técnica dos companheiros e também na experiência da equipe, que está na quarta Copa Libertadores consecutiva.

“É ter equilíbrio, temos jogadores experientes, que sabem jogar esse tipo de jogo. Libertadores é assim, somos um clube que também camisa, vai ser um jogo difícil lá”.

Não ser derrotado neste primeiro jogo é muito importante para o Atlético. O São Paulo tem mostrado muita dificuldade atuando como visitante. A equipe do argentino Edgardo Bauza não venceu um jogo sequer atuando fora de casa nesta temporada. Se vencer ou até mesmo empatar com gols, o Atlético pode colocar o adversário numa situação bastante complicada.

Por isso, o volante Júnior Urso é mais um que ressalta a importância de o Atlético ser inteligente dentro de campo, especialmente nos primeiros minutos de jogo. “Contra o São Paulo o nosso time precisa entrar focado e jogar com inteligência, para a gente conseguir um resultado positivo e decidir com vantagem em Belo Horizonte”.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *