Últimas

João Kléber sobre novo programa: 'Estou mais maduro'

João Kléber marcou presença na comemoração dos dez anos de A Tarde é Sua e na apresentação da nova grade de programação da RedeTV!, durante a noite da última segunda-feira (2).

Com o novo programa prestes a estrear no dia 15 de maio, das 22h30 à 00h30, o apresentador conversou com OFuxico e falou um pouco do que vem por aí no João Kléber Show, comentou obre a sátira de Marcelo Adnet no Tá no Ar, falou de Chacrinha e também do programa que gravou, mas nunca foi ao ar, já que Faustão assumiu o lugar na grade horária, após a morte do comunicador.

Quando o programa Tá no Ar, da Globo, foi ao ar, foi um sucesso imediato e um dos grandes destaques era a sátira que Marcelo Adnet fazia do programa de João Kléber. Com trejeitos perfeitos, Adnet conseguiu pegar a essência do apresentador e fez os telepectadores grudarem na televisão e se divertirem bastante. Com relação à imitação de Adnet, João revelou que encara como um agrande homenagem e disse que chegou até a conversar com ele.

“O Adnet é um talento impressionante! Sabe o que eu achei mais legal? Eu sou um profissional muito perfeccionista, sempre busco fazer o melhor naquilo que me proponho a fazer. Quando fiz o Teste de Fidelidade, por exemplo, ele continua em 23 países até hoje. Era um programa polêmico, tinha aquela marca, então a gente fez o melhor e por isso foi sucesso. Você na Tv, também era polêmico, fizemos o melhor e foi sucesso. O Adnet é um cara que eu respeito muito profissionalmente, porque ele me estudou. Ele não pegou um vídeo só, ele me estudou. Ele não viu uma, duas, três, ele viu várias vezes. Ele pegou os tiques, a brincadeira com a plateia, até o contrarregra, tudo. Eu não encarei como uma sátira pejorativa, mas sim como homenagem e eu conversei com ele no Instagram, agradeci pela brincadeira e ele me respondeu. Ainda falei para ele continuar fazendo e foi a temporada toda”, afirmou.

João Klebber ainda continuou: ” Acho que humor é humor em qualquer instância, fazendo rir é o que importa. A Praça é Nossa é importante, o Tá no Ar é importante, o Zorra. Quando eu comecei a fazer humor eu me baseava em três caras, Chico Anysio, Jô Soares e Agildo Ribeiro. Depois da geração deles, eu vim em seguida, tanto que Chico Anysio dirigiu meu show, então a geração dos anos 90 não conheceu meu show, pois eu parei nos anos 2000. Tive um show que ficou dez anos em cartaz ininterruptamente que, na época, era chamado de intelectual. Fui roteirista dos Trapalhões por algum tempo, fiz o Chico Anysio Show e contracenei com ele, quando fazíamos uma sátira do Jornal Nacional, que é o que o Tá no Ar faz hoje.”

Outro momento marcante na vida profissional e pessoal de João, foi a morte de Chacrinha. Com o comuinicador doente, João assumiu a apresentação do programa e mostrou todo seu talento e respeito pelo eterno Aberlardo Barbosa, com quem chegou a dividir o palco. Na época, após a morte de Chacrinha e o fim do Cassino, João chegou a gravar um programa, mas que nunca foi ao ar, já que Faustão foi contratado pela Globo e entrou com o seu Domingão do Faustão.

“Fiquei chateado na época, mas nada a ver com o Fausto Silva, ele é meu amigo, meu irmão, sempre me deu bons conselhos, um cara maravilhoso. Fiquei chateado na época e muitos dizem que esse foi o motivo por eu não ter ficado na Globo. Posteriormente, fui convidado para fazer um programa quando a Maria Paula foi para a Globo, chamado Radical Chic, eu fui o primeiro a ser convidado a fazer o programa na parte da tarde e eu não aceitei fazer. Eu queria fazer um programa de auditório, diferente, como faço hoje. Mas fazer o que? Paciência, agora chegou a oportunidade, antes tarde do que nunca, né? Não tenho nada contra, jamais. Acho que as coisas vêm na hora certa, acho que agora estou mais maduro para fazer esse programa”.

Depois de alguns anos com o Você na TV, João encerra esse ciclo para começar um novo. Porém, ele garante que não foi falta de critiavidade para as pautas, já que as histórias do povo brasileiro são sempre incríveis, mas acrdita que esteja vivendo uma nova fase profissional.

‘Não, não acredito que tenha acabado a criatividade para fazer o Você na TV. Aliás, a criatividade partia das pessoas, elas que contavam as histórias.  Muitos diziam que era combinado, mas eu mesmo ficava pasmo com as que apareciam. O Você na TV é infinito porque o povo brasileiro tem histórias muito boas, recebíamos mais de 2 mil e-mails por semana, tinha estagiário só para ler as histórias. Terminei porque achei que estava em outro momento profissional”.

Com o fim de um programa, um novo vem por aí e João adiantou um pouco dos detalhes do seu João Kléber Show.

“Pedi tanto para a Rede TV que me deixassem fazer um programa de variedades aos domingos e agora ele veio. Lógico que todo mundo se preocupa com audiência, mas estou mais preocupado em levar um produto de qualidade, um programa legal, vou tentar fazer. Vai ser um programa de talento, de todos os tipos, vai ter quadro de emoção, vou fazer humor, que eu gosto e que queria fazer há tempos. Eu concorro com o Silvio e que já disse que me assiste, ele é um mestre meu, um exemplo para nós. Esse meu programa tem um pouco de Silvio Santos, um pouco de Chacrinha, um pouco de Jota Silvestre, um pouco de todos os caras que eu vi trabalhar desde que eu era garoto, é um sonho. Estou fazendo com o maior carinho, vou me dedicar bastante. Quando passou no Viva eu apresentado o programa do Chacrinha, muitos nem sabiam. As pessoas achavam que eu só tinha feito o Teste de Fidelidade, mas antes de fazer o Chacrinha, eu fazia humor. Ele me ensinou muito, eu podia trocar de roupa no mesmo camarim que ele, chamava ele de Sr. Abelardo, toda quinta eu encontrava com ele na casa dele e ele sempre me dizia ‘João, não tenha medo de fazer programa popular, mas faça bem. Não tenha medo da crítica, mas faça bem’. Ele mesmo foi censurado, criticado, mas era muito criativo, então muitas coisas levo como ensinamento. Toda vez que entro no camarim, principalmente nesse programa, converso comigo mesmo e parece que Sr. Albelardo está ali me orientando e acho que ele está de certa forma. Vou concorre com o Silvio com quem ele também chegou a concorrer. Uma experiência diferente, essa geração vai poder conhecer um outro lado meu. Talvez não tenham grandes surpresas, mas vai ter a forma diferente do João Kléber fazer”. 

O João Kléber Show estreia dia 15 de maio a partir das 22h30, na Rede Tv!

João Kléber participa do A Praça é Nossa e encara ‘tensão’
João Kleber revela mágoa de Serginho Groismann
João Kleber lamenta morte de ex-esposa: ‘Me deu carinho’
Aane Doux diz que fez ensaio sensual para espantar tristeza
Assumiram! João Kleber posta foto de beijo em Dani Sperle

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *