Últimas

Morre escultor do revólver com o cano amarrado em um nó, símbolo da paz

  • Reprodução/Boredpanda/

    Uma arma amarrada, feita por Carl Fredrik Reuterswärd, pede paz na sede das Nações Unidas, nos EUA

    Uma arma amarrada, feita por Carl Fredrik Reuterswärd, pede paz na sede das Nações Unidas, nos EUA

O artista sueco Carl Fredrik Reuterswärd, escultor do revólver com o cano amarrado em um nó, exposto na sede da ONU em Nova York, morreu aos 81 anos, informou a prefeitura de Landskrona (sul da Suécia), onde ele morava.

O artista, que sofreu um acidente vascular cerebral em 1989, morreu na terça-feira (3), anunciou Kjell Thoresson, secretário de Cultura do município, cujo museu abriga uma exposição permanente de suas obras.

Reuterswärd concebeu o Colt Magnum 357 com o cano amarrado como símbolo da paz, após o assassinato em Nova York de seu amigo, o cantor e compositor John Lennon, morto a tiros em 8 de dezembro de 1980 por Mark Chapman.

Luxemburgo, que adquiriu uma das primeiras versões da escultura, doou a peça em 1988 às Nações Unidas.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *