Últimas

Nacional de Medellín vence Huracán e se garante nas quartas da Libertadores

Bogotá, 3 mai (EFE).- O Atlético Nacional de Medellín avançou nesta terça-feira para as quartas de final da Taça Libertadores ao superar em casa o Huracán, da Argentina, por 4 a 2, com dois gols do venezuelano Alejandro Guerra, em um jogo que terminou com agressões por parte dos visitantes contra o árbitro e alguns jogadores do Medellín.

Apesar de ter jogado com dez jogadores durante quase todo o segundo tempo, após a expulsão de Federico Mancinelli, que recebeu o segundo cartão amarelo, a equipe argentina não desistiu e lutou até o fim contra o time colombiano.

Víctor Ibarbo, de pênalti, abriu o placar para os anfitriões aos 23 minutos de jogo, mas Cristian Espinoza empatou apenas dois minutos depois.

No segundo tempo, quando o Huracán controlava a partida, Mancinelli foi expulso e o Nacional viu Guerra brilhar ao marcar duas vezes, aos 13 e aos 23 minutos. Mas o ‘El Globo’ insistiu e conseguiu diminuir aos 32 com Ramón Ábila, que marcou um golaço de voleio.

No entanto, Jonathan Copete pôs fim à angústia dos torcedores colombianos ao marcar nos acréscimos e ampliar a vantagem para 4 a 2.

Como as duas equipes tinham empatado em 0 a 0 no jogo de ida em Buenos Aires, a vitória deu a classificação ao Nacional de Medellín, que terá como adversário na próxima fase o ganhador do duelo entre Grêmio e Rosario Central (Argentina).

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *