Últimas

Para poucos, Trio Los Angeles anima manhã no Arouche na Virada Cultural

O Trio Los Angeles abriu neste domingo, às 9h, a sequência de shows no palco montado no Largo do Arouche, no centro de São Paulo, durante a Virada Cultural. O grupo, com seu ritmo brega, tocou para pouco menos de 200 pessoas, a maioria remanescentes da madrugada anterior quando no mesmo local ocorreu o concurso de Drag Queens.

O casal de amigos Miqueias Yamada, 22, de Manaus, e Jeane Fernandes, 30, de Belém, no Pará, estavam dançando no Arouche desde as 23h. “Passei a madrugada aqui e só saio depois que a Roberta Miranda tocar”, disse Miqueias.

O rapaz assistiu ao concurso das drags e disse que se identifica com o Largo. “É uma área com muitos gays, com música boa e gente divertida. Quero dançar muito merengue, tecnobrega e salsa”, contou.

Mas o Trio Los Angeles também atraiu alguns fãs. Foi o caso da paulistana Zenaide Furtado, 61, que estava na grade curtindo a apresentação. “Moro aqui no centro e sempre venho para a Virada. Sou tão fã do Trio Los Angeles que não fui ver a Fafá de Belém só para acompanha-los”, contou. “Mas minha paixão é mesmo a Roberta Miranda. Quando ela se apresentar estarei aqui com certeza”.

“É sempre uma felicidade se apresentar na minha cidade”, disse Márcio Mendes, vocalista do Trio, antes de descer do palco e cantar no meio da plateia, abraçado com a fã Zenaide e também com a mineira Rosângela Maria de Paula, 55, que estava sozinha assistindo a apresentação. “Venho na Virada desde 2009. Eu amo de paixão o Trio Los Angeles”

Antes do Trio, Na madrugada, as 5h, se apresentou o cantor Luiz Caldas. Neste domingo ainda sobem ao palco Jane e Herondy às 11h, Genival Lacerda, às 13h, Metrô, às 15h e, encerrando a Virada no Arouche, a cantora Roberta Miranda.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *