Últimas

Pedro Sánchez voltará a ser candidato socialista em legislativas espanholas

Madri, 8 mai (EFE).- O secretário-geral do PSOE, Pedro Sánchez, será o candidato socialista à presidência do governo da Espanha na eleição legislativa marcada para 26 de junho.

Sánchez foi o único candidato do partido que obteve assinaturas suficientes de militantes do partido para ser designado, como estabelecem os estatutos do partido, e por isso não serão necessárias primárias internas.

Sánchez, que assumiu a liderança do PSOE em 2014, já foi o candidato do partido nas eleições legislativas passadas, de dezembro.

Os socialistas conseguiram então 90 cadeiras, o pior resultado do partido em décadas, o que valeu a ele fortes críticas internas.

O PP, de centro-direita, e atualmente no poder, teve o maior número de cadeiras, mas sem conseguir obter maioria suficiente para formar governo. A recusa do presidente do Governo, Mariano Rajoy, à oferta do rei de tentar renovar seu mandato de primeiro-ministro no parlamento levou Sánchez a fazer duas tentativas.

Em ambas ele foi derrotado, obtendo somente 131 das 350 cadeiras da câmara.

Em 26 de junho Sánchez voltará a enfrentar os mesmos adversários de dezembro: Mariano Rajoy; Pablo Iglesias (Podemos, esquerda) e Albert Rivera (Ciudadanos, liberais).

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *