Por doping, FPF suspende zagueiro Yago preventivamente por 30 dias

O Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Paulista de Futebol (FPF) confirmou a suspensão preventiva de 30 dias do zagueiro Yago, do Corinthians, por doping. O jogador havia sido flagrado no exame depois da partida contra o Santos, pelo Campeonato Paulista, no dia 6 de março.

A substância utilizada por Yago foi o anti-inflamatório betametasona, utilizado para tratar uma inflamação no joelho. O resultado da contraprova do exame também deu positivo.

A legislação antidoping estabelece quatro formas de aplicação da substância como proibidas: intravenosa, intramuscular, retal e oral. No caso do zagueiro, a betametasona foi utilizada de forma intra-articular para amenizar dores por uma inflamação no joelho do atleta.

Em nota oficial, a FPF afirmou que após a notificação à FPF, ao Corinthians e a Yago, o clube terá cinco dias para entregar uma defesa por escrito ao tribunal. Na sequência, será marcado o julgamento do caso.

Em casos como o de Yago, as penas previstas são de advertência até dois anos de suspensão.

Aos 23 anos, Yago está em sua primeira temporada como titular do Corinthians, ao lado de Felipe. O zagueiro conquistou a titularidade depois da saída de Gil para o futebol chinês.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *