Últimas

Presentes para o Dia das Mães subiram menos que a inflação, diz FGV

O preço dos presentes mais escolhidos para o Dia das Mães subiu, em média, 6,39% este ano, abaixo da inflação, segundo pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV). O levantamento considerou a inflação média de 9,13% acumulada nos últimos 12 meses, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC).

As maiores altas em relação a 2015 foram registradas nos preços de ingressos de teatro (34,48%), vinhos (25,97%) e passagens aéreas (20,43%).

Na divisão por grupos, os presentes culturais foram os que mais subiram, com preços 7,84% maiores que no ano passado; seguidos pelos chamados presentes executivos (para mães que trabalham fora), que subiram 6,29%. O terceiro grupo, de itens relacionados ao conforto do lar, registrou aumento de 2,03% nos preços este ano.

Segundo o economista e pesquisador do Ibre, André Braz, “os itens que subiram mais são aqueles que cabem mais facilmente no bolso”.

“Pagar um ingresso de teatro, por mais que ele tenha ficado caro, não é uma meta difícil. A meta difícil, muitas vezes, é comprar um bem durável, como uma máquina de lavar, uma geladeira nova”, analisou.

Como os bens duráveis costumam ser comprados em prestações, via financiamento, os presentes dessa categoria devem ser menos procurados este ano. Com a taxa de juros mais alta e o aumento do desemprego, compras em parcelas requerem mais planejamento, segundo o economista. “Muita gente perdeu o emprego, a taxa de juros está alta. Não é por que subiu menos de preço que (esses itens) se tornam uma boa opção de presente”. De acordo com a pesquisa da FGV, máquinas de lavar roupa e geladeira e freezer apresentaram queda de 2,21% e 2,17%, respectivamente, no período de 12 meses.

Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil
Edição: Luana Lourenço
06/05/2016

Compartilhe:

Fonte: Rede Notícia www.redenoticia.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *