Últimas

Presidente turco diz que todos devem assumir responsabilidades nas crise humanitárias

Istambul, 23 Mai 2016 (AFP) – O presidente turco Recep Tayyip Erdogan fez um apelo nesta segunda-feira à comunidade internacional para “assumir suas responsabilidades” e lamentou a divisão desigual da ajuda, na abertura da primeira reunião de cúpula humanitária mundial em Istambul.

“O atual sistema é insuficiente (…) o peso fica apenas com alguns países, hoje todo o mundo deve assumir suas responsabilidades”, disse Erdogan.

A Turquia abriga quase três milhões de refugiados da Síria e do Iraque, incluindo 2,7 milhões de sírios.

“As necessidades aumentam a cada dia, mas os recursos não seguem obrigatoriamente”, completou o chefe de Estado turco, antes de lamentar que “alguns membros da comunidade internacional evitam suas responsabilidades”.

Neste sentido, a chanceler alemã Angela Merkel pediu o fim das promessas de doação que não são cumpridas e defendeu a necessidade de um “sistema confiável” para garantir o financiamento dos projetos.

Autoridades e ONGs de todo o mundo estão reunidas em Istambul para uma reunião inédita, promovida pela ONU e que tem como objetivo melhorar a resposta mundial às crises humanitárias provocadas pelos conflitos e a mudança climática.

Convocada pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, a reunião de dois dias pretende gerar uma série de “ações e compromissos concretos” para ajudar na preparação dos países para enfrentar as crises, definir uma nova aproximação para administrar os deslocamentos forçados e garantir fontes de financiamento confiáveis para resposta.

“Nunca desde a Segunda Guerra Mundial tantas pessoas haviam sido forçadas a abandonar suas casas”, disse Ban em Istambul.

“Estamos aqui para forjar um futuro diferente”, completou.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *