Últimas

Presidiário de 39 anos afirma ser filho e herdeiro de Prince

Nova York, 11 Mai 2016 (AFP) – Um presidiário de 39 anos afirma ser filho do ícone da música pop Prince, morto no mês passado, e que pretende fazer um exame de DNA para comprovar que é o herdeiro dos bens do artista americano.

O advogado de Carlin Q. Williams, natural de Kansas City, apresentou uma objeção ante um tribunal depois que a irmã de Prince, Tyka Nelson, afirmou que o cantor não tinha filhos.

Williams está cumprindo pena por posse de armas encontradas em um carro roubado, no presídio federal de alta segurança de Florence, no estado do Colorado, até o final de 2020.

Sua mãe, Marsha Henson, apresentou uma declaração juramentada na qual afirma que conheceu o artista, cujo nome completo é Prince Rogers Nelson, em um antigo hotel de Kansas City em julho de 1976. Após beberem vinho, eles tiveram relações sexuais sem proteção no quarto do músico, de acordo com o documento.

O advogado solicitou um teste de DNA para determinar se Prince era pai de Williams, que “acredita que é ou pode ser o único herdeiro legal sobrevivente” da lenda do pop, que morreu repentinamente aos 57 anos no dia 21 de abril sem deixar nenhum testamento conhecido, afirmou.

A sentença de Williams, de 2014, afirma que “seu pai não teve nenhuma presença ao longo de toda a sua vida”. O documento indica, ainda, que o apenado tem sete meios-irmãos e que abandonou a escola no ensino médio, antes de ser condenado por delitos relacionados a drogas.

Não se sabe qual é o valor total da fortuna de Prince, mas é provável que seja uma quantia considerável, já que o aclamado artista vendeu mais de 100 milhões de cópias dos seus discos.

A irmã e cinco meios-irmãos do cantor foram reconhecidos como herdeiros, e um administrador especial foi nomeado para repartir os bens.

Prince teve um filho em 1996 com sua então esposa, a dançarina Mayte García, mas o bebê morreu uma semana depois do parto.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *