Últimas

Recife vai requalificar sistema de pontilhões

Com sessenta e seis canais cortando a cidade, os pontilhões são importantes equipamentos de mobilidade para travessia de pedestres e também de veículos. A manutenção desses equipamentos é fundamental para evitar acidentes. A Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife iniciou o restauro dos quatro pontilhões da Avenida Agamenon e de outros equipamentos nos bairros do Arruda e Boa Viagem. As obras devem ser concluídas em até 60 dias.

No caso da Agamenon Magalhães, as obras já estão em andamento. O primeiro a receber a obra foi o pontilhão do cruzamento com a Rua Henrique Dias. As calçadas nos dois sentidos foram reconstruídas. Além do novo pavimento, também foram refeitas as rampas de acesso. E o parapeito recebeu uma nova pintura.

Os pontilhões estão recebendo corrimão, guarda-corpos nas curvas e sinalização amarela no meio-fio, indicando que é proibido estacionar no local. “Essa passagem era muito irregular. Melhorou bastante, principalmente para cadeirantes e deficientes visuais, que tinham muita dificuldade em passar aqui”, contou a auxiliar administrativa, Jéssica Mendes, 21 anos, que atravessa o pontilhão todos os dias em seu caminho para o trabalho.

As obras do pontilhão do cruzamento da Agamenon com a Rua do Paissandu estão em andamento. Além da pintura da ponte, estão sendo restauradas as áreas de passeio de pedestres. Os pontilhões que cruzam a Agamenon na Avenida Governador Carlos de Lima Cavalcanti e na Rua Bandeira Filho também receberão os serviços.

Outro pontilhão que será restaurado é o cruzamento da Avenida Professor José dos Anjos com a Estrada Velha de Água Fria, no bairro do Arruda. Vigas de ferro do parapeito estão expostas, a calçada está degradada, e existem plantas crescendo na lateral da estrutura. Mas a maior reclamação da população é referente a um enorme buraco em meio à passarela dos pedestres, onde resta apenas um trecho do meio-fio de passagem livre. “É um perigo isso aqui e passa muita gente nesse local, inclusive crianças e idosos. À noite, sem iluminação suficiente é capaz de alguém cair”, afirmou a moradora do Arruda Elizabete Galdino, 54 anos, contanto que alguns vizinhos colocaram galhos e folhas dentro do buraco para ajudar na visualização.

Em Boa Viagem, será implantada uma passarela de ferro por cima do canal da Avenida Visconde de Jequitinhonha, por trás do Parque Dona Lindu, para facilitar a travessia dos pedestres, uma reivindicação antiga dos moradores da área. A passarela possui 10 metros de extensão por um metro de largura. A instalação deve ser feita até o próximo sábado. O investimento total das obras é de R$ 95 mil, sendo R$ 30 mil o valor da passarela.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *