Últimas

Sem compromisso externo, Dilma passa a manhã no Alvorada

No Planalto, Wagner convocou os 32 ministros para reunião de balanço

 

Sem previsão de agenda externa nesta quarta-feira (11), dia em que o Senado votará o pedido de impeachment, a presidente Dilma Rousseff permaneceu pela manhã no Palácio da Alvorada. Diferentemente do que faz todos os dias, Dilma não pedalou nos arredores da residência oficial, somente caminhou.

Caso o Senado decida dar prosseguimento ao impeachment, Dilma deverá ser afastada por até 180 dias dias o vice Michel Temer assumirá o Palácio do Planalto. Temer, por sua vez, dedicará o dia a uma série de encontros com aliados no Palácio do Jaburu, residência da Vice-presidência, e receberá parlamentares e conselheiros políticos.

Enquanto a presidente permanecia no Alvorada, o chefe de gabinete, ministro Jaques Wagner, convocou ao Planalto os 32 integrantes do primeiro escalão da Esplanada para uma reunião de balanço do governo Dilma.

 

G1

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *