Últimas

Sinead O?Connor acusa comediante de fornecer drogas a Prince

A novela envolvendo a morte de Prince continua. Após a imprensa internacional especular que o músico pode ter sofrido uma overdose de Percocet, analgésico forte e altamente viciante, a cantora Sinead O’Connor usou seu perfil no Facebook para acusar o comediante e ator norte-americano Arsenio Hall de fornecer drogas ao artista.

“Duas palavras para a DEA [Agência de Repressão às Drogas dos Estados Unidos] investigar aonde Prince conseguiu suas drogas nas últimas décadas: Arsenio Hall (conhecido como ‘puta’ de Prince e Eddie Murphy). Qualquer um que acredita que Prince não era um usuário de drogas está vivendo em um mundo de fantasia. Arsenio, eu te denunciei às autoridades de Carver County. Espere a ligação deles. Eles estão cientes de que você me furou anos atrás na casa de Eddie Murphy. É melhor você começar a arrumar as suas coisas”, diz o post da artista irlandesa.

Prince foi encontrado morto em sua casa, aos 57 anos, dentro do elevador que dava acesso ao seu estúdio. A autópsia foi realizada no final do mês de abril, mas a causa da morte ainda não foi confirmada. A imprensa internacional especula que Prince pode ter sofrido uma overdose de Percocet.

De acordo com o “TMZ”, o avião que transportava Prince após seu último show em Atlanta, no dia 14, precisou fazer um pouco de emergência para socorrê-lo em um hospital após o artista ter ingerido uma dose alta do analgésico. A informação contraria a versão divulgada pelos representantes de Prince, de que ele foi tratado por uma forte gripe.

Testemunhas dizem ainda que o cantor aparentava estar mais frágil e nervoso do que o habitual. Ele teria ido à farmácia por quatro vezes na última semana de vida.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *