Últimas

Taxistas protestam contra medida que regulariza o Uber em São Paulo

Um ato organizado por taxistas protesta contra a medida anunciada pelo prefeito Fernando Haddad (PT-SP) que regulariza o transporte individual contratado por aplicativos na cidade de São Paulo. Durante o ato, um carro preto foi depredado no centro da cidade nesta terça-feira.

Os taxistas criticam a decisão do petista que estipulou algumas regras a serem seguidas por serviços como Uber. A principal delas é a cobrança de uma taxa (R$ 0,10 por km rodado em média) pela Prefeitura. Os organizadores afirmaram ao G1 que ”isso prejudica a categoria” e que a prefeitura “tem que proibir esses serviços”.

Os protestos começaram no início da tarde na Rua Libero Badaró, próximo a sede municipal. Em carreata, eles seguiram até a Avenida 23 de Maio, onde ocuparam uma faixa de cada sentido da via o que contribuiu ainda mais para o congestionamento rotineiro da região após às 18h.

Os ânimos se exaltaram quando um carro preto que passava no sentido Aeroporto de Congonhas tentou seguir pela via interditada. Os taxistas depredaram o veículo com socos e chutes. Outro veículo também foi apedrejado pelos manifestantes. Não se sabe se os veículos são utilizados para o transporte do Uber.

Leia também:

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *