Últimas

Voo é atrasado por duas horas graças a nome ameaçador de rede Wi-Fi

Um voo na Austrália precisou foi atrasado por duas horas. A ocorrência seria normal, não fosse o motivo do atraso: uma rede Wi-Fi com nome engraçadinho, que assustou passageiros e alertou membros da tripulação.

Quando estava dentro do avião da Qantas Airways, um passageiro decidiu alertar a tripulação após encontrar uma rede Wi-Fi com o nome “Mobile Detonation Device” (“Dispositivo de detonação móvel”). Ninguém sabe exatamente a que dispositivo a rede estava ligada, ou a localização do aparelho.

De qualquer forma, qualquer ameaça de bomba em aeroportos, por mais que seja uma brincadeira óbvia, é levada a sério. Assim, a tripulação avisou o capitão, que repassou a mensagem ao restante dos passageiros, alertando-os de que o dispositivo precisava ser encontrado antes que o voo pudesse completar seu trajeto.

Um passageiro que não se identificou afirmou ao Yahoo que o incidente estava ligado a um hotspot que surgiu no sistema de entretenimento de bordo. Depois do alerta, nenhum passageiro assumiu a criação da rede de nome infeliz, então é possível que fosse alguém no terminal em vez de o sinal vir de dentro do avião.

A empresa confirmou o caso ao Mashable, explicando que houve uma investigação por parte da tripulação e da equipe de segurança. Eles não encontraram problemas, então o voo pode seguir no seu caminho. O horário previsto de saída era de 18h50 do horário local em Melbourne, mas só foi liberado para seguir às 21h55. O avião pousou em segurança às 23h15 na cidade de Perth, sem nenhum problema.

Via Mashable

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *