Últimas

Wada diz que dívida a oficiais antidoping do país é 'inaceitável' e pode afetar Rio-16

O diretor-geral adjunto da Wada (Agncia Mundial Antidoping), Rob Koehler, afirmou que “inaceitvel” que a ABCD (Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem) tenha atrasado desde setembro o pagamento a profissionais de controle, como oficiais e escoltas, conforme a Folha revelou na semana passada.

“Isso depe contra a credibilidade da organizao, no caso, a ABCD. Esta compensao para os profissionais obrigatria, e quando ela atrasa nos preocupa muito”, disse Koehler Folha, por telefone.

O dirigente contou que soube dos atrasos quando esteve no Brasil no ms passado, para reunio relativa aos Jogos Olmpicos. Ele afirmou que oficiais entraram em contato com ele, que logo cobrou a ABCD.

O diretor da Wada disse que o problema de grande proporo e teme pela realizao de testes antidoping na Rio-2016. Durante o evento em si, os exames dentro de competio –e, consequentemente, os oficiais– so custeados pelo COI (Comit Olmpico Internacional) e pelo comit organizador.

ABCD, porm, caber colher amostras em outras cidades e locais pouco distantes das arenas olmpicas. “Eu no acho que vai prejudicar os testes dentro de competio, j que eles esto sob alada da Rio-2016 e tm uma folha separada de pagamento. Mas o que poderia ser afetado o controle ao redor do Brasil de pases que vo fazer aclimatao antes de se dirigirem para as instalaes olmpicas. Isso seria temerrio”, disse Koehler.

“Eu encorajei os oficiais a me mandarem uma nota, para que possa acompanhar o assunto.”

A dvida da agncia antidoping nacional com os oficiais est, atualmente, em cerca de R$ 400 mil e boa parte dos agentes deixou de prestar servios. Segundo a autoridade, o atraso prejudica cerca de 70% dos profissionais j capacitados ou certificados, ou seja, aptos a trabalhar. O dbito com um oficial de Minas Gerais chega a R$ 35 mil.

Na semana passada, os oficiais insatisfeitos fizeram um abaixo-assinado online para reivindicar o pagamento. At a tarde desta tera-feira (31), eram 174 signatrios no documento.

OUTRO LADO

O secretrio nacional para a ABCD, Marco Aurelio Klein, concordou com as opinies do diretor da Wada. “Ele est absolutamente certo.”

Ele disse, porm, que entre esta tera-feira (31) e a prxima sexta-feira (3) ser quitado um tero do valor devido aos oficiais, ou seja, cerca de R$ 130 mil. Em entrevista Folha na semana passada, Klein disse que o cronograma de testes no havia sido prejudicado.

Nesta tera ele participou de uma reunio com alguns lderes da manifestao, em So Paulo. “Alm de pedir desculpas pelas dificuldades, destaquei a importncia de todos os profissionais que fazem o trabalho de campo da luta contra a dopagem no esporte e assumi o compromisso de zerar todos os atrasados ao longo de junho e entrar em operao normal”, concluiu.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *