Últimas

Após fracassos em 2015, EUA e Colômbia abrem Copa América

Estados Unidos e Colômbia fazem o jogo de abertura da Copa América Centenário, pelo Grupo A, nesta sexta (3), às 22h30 (de Brasília), buscando se reerguer após um 2015 decepcionante. As duas seleções surpreenderam na Copa de 2014, no Brasil, mas não mantiveram o nível no ano passado.

Os Estados Unidos acreditavam no título da Copa Ouro, disputada entre as seleções da Concacaf, mas acabaram caindo para a modesta Jamaica na semifinal. Além disso, a seleção comandada por Jurgen Klinsmann perdeu a Copa Concacaf, que valia vaga na Copa das Confederações 2017.

A Colômbia, por sua vez, teve uma Copa América desastrosa no ano passado. Em um grupo que tinha Venezuela Peru e Brasil, classificou-se graças às vagas dadas aos dois melhores terceiros colocados e acabou cruzando com a Argentina nas quartas de final. Contra a vice-campeã do mundo, não conseguiu avançar às semifinais.

Desta vez, o grupo não tem uma grande potência e é mais equilibrado. A Costa Rica, principal surpresa da Copa de 2014, e o Paraguai, que eliminou o Brasil da Copa América de 2015 são os outros adversários.

Além de Colômbia e Estados Unidos, outras seleções terão com a Copa América Centenário a oportunidade de se reconstruir. O Brasil é uma delas, após fracassar contra o Paraguai na Copa América do Chile.

O time de Dunga, que já teve seis jogadores cortados desde a convocação, tem um dos grupos mais fáceis da competição, com Equador, Haiti e Peru.

O Uruguai também teve um 2015 ruim. Assim como a Colômbia, se classificou na Copa América apenas em terceiro lugar em um grupo teoricamente mais modesto, com Argentina, Paraguai e Jamaica.

Desta vez, o time de Luiz Suárez terá a Jamaica como adversário novamente, no Grupo C. Os outros dois adversários são México e Venezuela.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *