Bases salariais emperram negociações com Tite

O treinador e sua comissão técnica querem receber R$ 280 mil a mais do que foi oferecido pela CBF

A Confederação Brasileira de Futebol ainda não anunciou oficialmente a contratação de Tite como novo técnico da Seleção Brasileira. Enquanto isso, o treinador está negociando seu salário com a entidade. De acordo com o Globoesporte.com, a diferença do que foi oferecido pela CBF ao que pede Tite para ele e sua comissão técnica é R$ 280 mil.  


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Brasil pode voltar a sonhar | Rivellino critica Neymar | Tite já trabalha na Seleção


Tite já participou de diversas conversas com a cúpula da CBF. Na última terça-feira (14), ele veio ao Rio de Janeiro no jatinho particular da entidade e teria indicado que o salário não seria um obstáculo para assinar o contrato de treinador. 

O maior problemas seria o valor pago aos nomes que formarão a comissão técnica de Tite. O gaúcho faz questão de trazer com ele diversos membros da sua comissão no Corinthians, todos representados pelo empresário de Tite, Gilmar Veloz. O único que negocia por fora é Edu Gaspar, que entraria como substituto de Gilmar Rinaldi como coordenador de seleções. 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook