Brexit ameaça situação de Bale no Real Madrid

Com a decisão dos eleitores do Reino Unido, galês deixa de ser um atleta comunitário e sua renovação contratual deverá ser revista

O futuro de Gareth Bale pode ser um problema para o Real Madrid, após a decisão do Reino Unido de abandonar a União Europeia.

O astro da Seleção do País de Gales agora se torna um jogador extracomunitário da UE e a La Liga só permite no máximo atletas nessas condições em seus elencos.

O Santiago Bernabéu já “abriga” sua quota máxima de estrelas não comunitárias em seu esquadrão. James Rodriguez, Danilo e Casemiro atualmente ocupam essas vagas que a partir de agora podem ficar ameaçadas. 

Real Madrid já havia iniciado negociações para a assinatura de um novo contrato de longa duração com Bale, porém diante deste novo cenário a tendância é que os termos se alterem.


(foto: Getty Images)

No entanto, a dor de cabeça para Zinedine Zidane criada pela decisão do eleitorado do Reino Unido de apoiar o Brexit pode levar dois anos para ser posta em prática. Se isso for confirmado permitiria um período de adaptação, porém não deixaria de desvalorizar atletas britânicos em negociações e com isso causar possíveis partidas, como é o caso de Bale.

Bale mudou-se para o Real Madrid em 2013 em uma negociação recorde e conquistou a Champions League duas vezes durante o seu tempo com Los Blancos.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook