CBF aguarda liberação do Corinthians para anunciar Tite na seleção

A CBF espera apenas Tite se desligar do Corinthians para anunciá-lo como treinador da seleção brasileira.

Na noite de terça (14), Tite e o presidente da CBF, Marco Polo del Nero, se reuniram por cerca de três horas no prédio da entidade, no Rio, e praticamente fecharam o acordo.

No encontro, Tite pediu um tempo para se desligar do clube paulista. A resposta poderá ser dada ainda nesta quarta.

O corintiano foi o escolhido pela CBF para substituir Dunga, demitido na terça após a pífia campanha do time na Copa América. A equipe nacional foi eliminada após perder para o Peru, por 1 a 0, em Boston, no domingo (12).

Nas eliminatórias da Copa do Mundo, a seleção está em sexto lugar. Apenas os quatro primeiros se classificam para o Mundial da Rússia.

Na reunião com Del Nero, Tite ganhou carta branca para convidar os profissionais para formar sua comissão técnica.

SELEÇÃO OLÍMPICA
O corintiano descartou assumir a seleção olímpica. A ideia do técnico é comandar o time principal do Brasil, que tem sua próxima partida marcada para o dia 2 setembro, contra o Equador, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

Com isso, Rogério Micale deverá assinar nesta quarta a lista de 35 jogadores pré-selecionados para os Jogos do Rio.

Mesmo assim, Del Nero resiste em efetivá-lo no cargo. Ele quer contratar um treinador mais experiente para o torneio. A medalha de ouro olímpica é o único título que falta ao Brasil.

Del Nero já havia definido o torneio como a prioridade da seleção neste ano.

Jorginho, do Vasco, é cotado para o cargo.

Micale estava comandando a equipe olímpica enquanto Dunga, demitido na terça-feira, dirigia a seleção principal.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook