Comissão do Impeachment no Senado é interrompida por queda de energia

A votação da Comissão do Impeachment no Senado precisou ser interrompida por causa de uma queda de energia que atingiu vários pontos do Distrito Federal, entre eles, o prédio do Congresso. O apagão foi provocado por um incêndio em uma subestação situada próxima ao Palácio do Planalto. A Companhia Energética de Brasília confirmou a interrupção na distribuição, mas disse que o breu durou apenas dois segundos.

Após a queda, que durou apenas alguns minutos na Esplanada, a energia foi reestabelecida, mas precisou ser cortada para possibilitar a ação dos bombeiros, que trabalham no combate às chamas na subestação. Segundo a corporação, 500 litros de óleo próximo ao transformador alimentam as chamas. De acordo com um funcionário que trabalha perto do Congresso, ocorreu uma forte explosão antes de o fogo começar.

Em nota, o Senado explica que a sessão foi mantida ainda por um tempo, devido a um no-break, que conseguiu abastecer o local onde ocorria a reunião por uma hora. As testemunhas de defesa que seriam ouvidas nesta segunda, devem retornar na sessão de amanhã. Confira a nota na íntegra:

Um incêndio na subestação Brasília Central, da Companhia Energética de Brasília – CEB, afetou parte das atividades do Senado Federal no início da noite desta segunda-feira (27). Após cinco minutos, a alimentação de energia foi recomposta, não havendo relatos de pane nos equipamentos e sistemas da Casa. Cabe ressaltar que a reunião da Comissão do Impeachment não foi afetada, uma vez que a Ala onde ocorre aquela atividade é coberta por no-break com autonomia para até uma hora de falta de energia elétrica.

Confusão
Segundo o Metrô-DF, três trens ficaram retidos por 20 minutos na plataforma Estrada Parque, por causa da falta de energia. Porém, ainda de acordo com a companhia, todos os serviços já foram normalizados e não houve tumulto.

Nacional
Além de Brasília, diversos brasileiros reclamaram nas redes sociais de quedas de energia no fim da tarde de hoje. Até o momento, foram confirmados relatos em São Paulo, Recife e no Rio de Janeiro.

Por meio da central de atendimento telefônico, um funcionário da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) informou que não foram registrados problemas de falta de energia no país. Ainda segundo ele, foram notificados apenas casos específicos em residências.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook