Últimas

Depois do susto, descontração e foco na estreia da Copa

Brasil deixa Carson e conduz, com tranquilidade, trabalho na UCLA. Miranda foi a ausência notável da tarde de treinamentos do grupo de Dunga



GOAL Por Matheus Harb, de Los Angeles (EUA)


Dois dias depois, o Brasil conseguiu realizar, enfim, suas atividades no Campus da Universidade da Califórnia Los Angeles (UCLA), localizada em Westwood, região oeste da metrópole da costa oeste. Uma grande operação foi montada em conjunto por CBF e autoridades locais para garantir a segurança no local, um dia após o espaço ser palco de uma infeliz tragédia que terminou em mortes e feridos.

O clima, no entanto, foi de descontração entre os jogadores e até entre os torcedores, com alguns estudantes aproveitando o tempo livre para observar os jogadores de uma das equipes mais populares do planeta. Após atividades leves, o técnico Dunga realizou atividades específicas, como treino em gramado reduzido, ainda em preparação para a estreia na Copa América Centenário diante do Equador, no próximo sábado, dia 4 (23h, horário de Brasília).


Vida ‘voltou ao normal’ após uma quarta-feira para esquecer (Fotos: ROBYN BECK/AFP/Getty Images e Lucas Figueiredo/MoWA Press)

Reforços, e uma dúvida

Chamados para os lugares dos cortados Kaká e Luiz Gustavo, respectivamente, Ganso e Walace se juntam à delegação brasileira nos próximos dias. O meia são-paulino chega ainda nessa sexta a tempo de participar do último treino, e compor ao menos o banco de reservas no final de semana. Para o volante tricolor, por outro lado, a apresentação e possível estreia só poderão ocorrer contra o Haiti, na próxima semana, já que ele irá diretamente para Orlando à espera do resto do grupo.

E quase que Dunga e a comissão técnica tiveram outra dor de cabeça: o zagueiro Miranda se queixou de dores e chegou a ter seu corte – que seria o sexto só neste período de preparação – comentado, mas a CBF desmentiu essa hipótese. Ele deu lugar a Marquinhos nos trabalhos conduzidos por Dunga nesta quinta, enquanto realizava atividades específicas de recuperação no hotel em que a Seleção está hospedada.


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
Análise – Walace, um volante moderno | Estudante relata tiroteio na UCLA | Mais SELEÇÃO



Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *