Últimas

EUA montam três bases no Rio de Janeiro para seus turistas durante os Jogos

O governo dos Estados Unidos monta uma megaestrutura no Rio para receber os cerca de 200 mil turistas e 820 atletas americanos que so esperados para a Olimpada e a Paraolimpada.

A estrutura, batizada de Escritrio de Coordenao das Olimpadas, ter funcionrios de planto 24 horas por dia em trs localidades na cidade do Rio, para atender aos cidados americanos, segundo a Folha apurou com uma fonte do governo dos EUA.

Os funcionrios ficaro no consulado, no centro da cidade, alm de Barra e Deodoro, regies onde sero realizados alguns dos principais eventos esportivos.

Alm disso, o aplicativo de celular UsinRio oferecer informaes sobre os consulados, dicas, telefones de emergncia e hospitais. H tambm uma espcie de “boto de pnico”: um nmero de telefone ativo 24 horas por dia com atendentes fluentes em ingls para ajudar em emergncias.

A estrutura americana para a Olimpada do Rio comeou a ser montada em 2014, com quatro diplomatas e 10 funcionrios locais. Para a Copa do Mundo, vieram 90 mil turistas americanos.

Para a Olimpada, eles esperam at 200 mil, mesmo com alguns cancelamentos devido epidemia de zika.

Segundo o governo americano, o objetivo principal sempre a segurana dos cidados americanos, independentemente do pas onde se realizar o evento.

“Apoiamos o governo brasileiro em todos os aspectos dos preparativos dos Jogos e reconhecemos que o Brasil est comprometido com a realizao de Jogos seguros”, diz a fonte.

Desde 2011, quando Brasil e EUA assinaram um memorando de entendimento para cooperao na organizao de grandes eventos esportivos mundiais, os dois pases j realizaram mais de cem encontros, entre treinamentos e viagens, para qualificar agentes de segurana brasileiros.

No ano passado, agentes brasileiros foram aos EUA para serem treinados em procedimentos de segurana em grandes eventos de golfe, tema em que o Brasil no tem experincia.

Policiais foram levados para a maratona de Boston no ano passado –o esquema de segurana foi totalmente revisto aps o atentado de 2013– e tambm para a Assembleia Geral da ONU, que se realiza todos os anos em Nova York e recebe centenas de chefes de Estado.

Alm disso, houve treinamentos sobre processo de rastreamento em aeroportos e entrada de estdios.

Os atletas americanos viro tambm com agentes de segurana, que devem agir em parceria com a polcia brasileira. “Todas as aes so feitas conjuntamente com as autoridades brasileiras”, diz a fonte.

CASAS DOS EUA

Os EUA tero o que eles chamam de “House of USA” no Colgio So Paulo, no Arpoador, para divulgar a cultura do pas. Mas ela ser fechada ao pblico. Promover eventos s para convidados, como patrocinadores, atletas e seus parentes, alm de jornalistas.

J a NBA House, voltada promoo do basquete dos EUA, ser aberta ao pblico. Ficar no Porto Maravilha.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook