EUA se recuperam de tropeço na estreia com goleada sobre Costa Rica

A seleção dos Estados Unidos se recuperou em grande estilo da derrota em sua estreia na Copa América Centenário, diante da Colômbia. Na noite desta terça-feira (7), o time da casa enfrentou a Costa Rica em Chicago e goleou um de seus principais rivais no futebol por 4 a 0. Foi a maior goleada da história do confronto.

O resultado foi uma bênção para o alemão Jürgen Klinsmann, técnico da equipe americana. Ele vem sendo criticado pela imprensa do país há algum tempo e a pressão só aumentou depois da derrota para os colombianos.

Com a vitória, os Estados Unidos chegaram a três pontos no Grupo A, com saldo positivo de dois gols. Já a Costa Rica, que tem jogado muito menos do que na Copa do Mundo de 2014, torneio do qual foi a principal surpresa, tem apenas um ponto e saldo negativo de quatro gols. Está, portanto, em situação muito delicada.

Os Estados Unidos passaram por cima do adversário no primeiro tempo. Com gols de Dempsey (de pênalti), Jones e Wood, o time americano praticamente decidiu o jogo, para alegria e alívio de sua torcida, que lotou o estádio Soldier Field.

Na segunda etapa, a Costa Rica chegou a ter algumas chances para diminuir a desvantagem, mas falhou. Os americanos, por outro lado, foram mais eficientes e marcaram o quarto gol com Zusi. Nos minutos finais, a equipe da casa perdeu algumas boas oportunidades para ampliar a goleada.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook