Explicado: Tudo que você precisa saber sobre o julgamento por fraude fiscal de Lionel Messi

Goal analisa os pontos mais delicados do caso envolvendo a estrela do Barcelona e da seleção da Argentina

O julgamento de Lionel Messi por suposta fraude fiscal terá desfecho no Tribunal de Barcelona, nesta quinta-feira. A estrela do Barcelona, que disputará a Copa América Centenário, com a Argentina, no próximo mês, esteve presente para prestar depoimento e a Goal explica os pontos-chave do processo.


DO QUE MESSI FOI ACUSADO?


Messi é acusado de sonegar o pagamento do imposto de renda em 2007, 2008 e 2009. O montante total que o Tesouro espanhol teria deixado de arrecadar é de € 4,1 milhões de euros. A maior parte deste valor é referente a direitos de imagem, pela parceria de Messi com uma série de grandes marcas.


O QUE A PROMOTORIA DIZ?


A promotoria alega que o jogador sabia do que acontecia, mas Messi afirma que seu pai lida com sua renda, que por sua vez garante que seu filho “nunca teve acesso aos contratos e informações”. Ele também afirma: “Eu tive os contratos e disse que ele tinha de assinar.”


(Foto: Getty Images)


GOAL VEJA TAMBÉM: GOAL
Duelo: Mourinho x Guardiola | MAIS: Lionel Messi | Galeria: Messi frente à Justiça Espanhola


O QUE A DEFESA DIZ?


Anjo Juarez, o fundador do Juarez Verciana – a empresa que administrar as finanças de Messi – diz que o pai de Lionel não passa muito tempo em Barcelona, e também sustenta que Messi não assiduamente estuda todos os documentos que assinou, apenas colocando a caneta no papel antes de sair dos escritórios.


QUANTO TEMPO O PROCESSO VAI DURAR?


Prevê-se que o julgamento contra Messi tenha a duração de apenas três dias. O procedimento teve início em 31 de maio, com ausências notáveis entre aqueles chamados a depor.


QUAIS SERÃO AS CONSEQUÊNCIAS?


Se for considerado culpado, ele terá de pagar as multas correspondentes para a fraude fiscal, mas não existe a possibilidade do jogador cumprir algum tempo de prisão. A lei diz que a prisão dos condenados a menos de dois anos deve ser suspensa se ele não tiver antecedentes.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *