Final da NBA terá duelo dos times que mais acertam cestas de três pontos

Golden State Warriors e Cleveland Cavaliers abrem nesta quinta-feira (2) a série melhor de sete da final da NBA. O primeiro jogo acontece às 22h (de Brasília, com ESPN), em Oakland, na Califórnia.

Os dois times vão reeditar a decisão da última temporada, quando os Warriors levaram a melhor. O time do armador Stephen Curry venceu a série por 4 a 2 e conquistou o título pela quarta vez na sua história.

Agora, com o armador Kyrie Irving e o ala Kevin Love em plena forma e LeBron James, os Cavaliers buscam uma revanche e devem recorrer ao artifício mais usado pelo rival: as bolas de três pontos.

A decisão que começa nesta quinta vai reunir os dois times que mais acertaram cestas de longa distância na primeira fase da temporada.

Os Warriors fizeram em média 13,1 cestas de três pontos por jogo nas 82 primeiras partidas do campeonato, enquanto os Cavaliers, 10,7.

Com o armador Stephen Curry e o ala Klay Thompson, o time de Oakland é o que mais arrisca de longe.

Na primeira fase da liga, a equipe que é comandada pelo técnico Steve Kerr fez em média 31,6 arremessos da linha de três pontos, contra 29,6 do time de Cleveland, terceiro nesta estatística –fica atrás do Houston Rockets.

Os Cavaliers têm bons arremessadores da linha dos três pontos, como Irving (que tem um aproveitamento de 32,1%), Love (36%) e J. R. Smith (40%).

No jogo dois da semifinal da Conferência Leste, contra o Atlanta Hawks, por exemplo, a equipe de LeBron acertou 25 cestas da linha de três pontos, recorde da liga em uma partida.

Apesar disso, nenhum de seus jogadores consegue ser mais eficiente do que Curry e Thompson.

Grande sensação da NBA na atualidade, Curry tem um aproveitamento de 45,4% da linha de três pontos, enquanto Thompson, 42,5.

É por isso que, mesmo que os Cavaliers apostem nas bolas de três, os Warriors ainda devem estar em vantagem.

Na primeira fase da temporada, o time de Curry teve o melhor aproveitamento nos arremessos de longa distância (41%), enquanto os Cavaliers ficaram em sétimo nesta estatística, com 36%.

Apesar disso, LeBron vê os Cavaliers mais bem preparados para esta final.

“Nosso time está melhor construído para começar as finais em relação ao ano passado, não importa qual seja o adversário”, disse o jogador.

NBA


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *