Últimas

Há três jogos sem ser vazado, Walter domina meta do Corinthians

Goleiro se tornou titular do Timão no Campeonato Brasileiro, após Cássio ser barrado

O Corinthians fez muitas mudanças no time que iniciou a temporada como titular. A entrada de Walter no lugar de Cássio foi uma delas, e vem sendo muito elogiada pelos torcedores. O camisa 27 substituiu o companheiro no início do Campeonato Brasileiro, e está dando conta do recado.

Nos cinco jogos em que esteve em campo, o novo goleiro do Timão sofreu três gols, todos na derrota por 3 a 2 para o Vitória. No entanto, desde lá, já são três partidas sem ser vazado – contra Ponte Preta, Sport e Santos – e muitos elogios por parte do treinador Tite, e também dos companheiros de equipe.


Números de Walter no Campeonato Brasileiro:


“O Walter é um cara de uma índole extraordinária. Você pode reparar que ele estando dentro ou fora de campo não muda a atitude, está sempre trabalhando do melhor jeito”, comentou o técnico Tite. “Eu sempre falo para eles treinarem ao máximo, dar tudo que têm. Dá tranquilidade, compete leal, cara. Daqui a pouco abre brecha, um deles cai um pouco e o outro naturalmente é chamado para ajudar. Tem que competir com lealdade. Não falo isso só porque estamos ganhando. Contra o Vitória mesmo, ele não teve culpa, eu mesmo avisei isso”, acrescentou.

Após a vitória do Corinthians por 3 a 0 sobre a Ponte Preta, Cássio chegou a se queixar da reserva, mas parece que isso não abalou a amizade dos dois goleiros. Walter, que admira o camisa 12, também já deixou claro que não é nada fácil substituir um jogador ‘ídolo’.

“Eu fico feliz, é claro que entrar no lugar de um jogador como o Cássio não é pra qualquer um, é muito difícil, ainda mais sendo ídolo da torcida como ele é. Então todo jogo a gente tem que estar bem ligado, bem focado no trabalho pra poder não errar, e tendo o aval do treinador, a gente entra bem mais tranquilo, bem mais confiante”, disse Walter.

As atuações seguras de Walter mostram que ele veio pra ficar, e mesmo tendo a sombra de Cássio, o goleiro não parece se incomodar com a situação. Apesar da disputa pela posição, os dois ainda são amigos e respeitam o trabalho um do outro.

“Se você parar para ver, a maioria dos gols que a a equipe faz o jogador que fez o o gol vai no banco para comemorar. É como se fosse um gol de cada um que está ali. Isso mostra o respeito que cada atleta tem. O Walter e o Cássio são amigos, isso não mudou com essa troca. Acho que atitudes como essa só demonstram a amizade e o respeito que um tem pelo outro”, afirmou o lateral direito Fagner.


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Walter: Difícil substituir um ídolo | Timão vence clássico | Luciano passa em branco novamente



Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *