Últimas

Iara Jereissati, vice Miss Brasil 2004, lamenta morte de Fabiane Niclotti

Iara Jereissati comenta morte da Miss Fabiane Niclotti (Foto: Reprodução do Instagram)Iara Jereissati comenta morte da
Miss Fabiane Niclotti (Foto: Reprodução do Instagram)

A morte de Fabiane Niclotti – Miss Brasil 2004 que foi encontrada morta nesta terça-feira, 28, em Gramado, na Serra Gaúcha – abalou o mundo das misses. Na noite desta quarta-feira, 29, Iara Jereissati, que ficou em segundo lugar na disputa, lamentou a morte da amiga de 31 anos.

“Hoje o mundo Miss perdeu uma de suas mais belas representantes Fabiane Niclotti, que conheci em 2004 durante o Miss Brasil. Guardo com carinho as lembranças desse concurso .
Meus sentimentos à família e amigos, que Deus em sua infinita bondade ampare com amor e fé o coração de vocês”, escreveu ela, que atualmente é casada com o empresário Carlos Jereissati.

Mais cedo, Grazi Massafera – que também participou do Miss Brasil no mesmo ano e chegou em terceiro lugar – falou sobre a morte de Fabiane. “Nós participamos da mesma edição do Miss Brasil, em 2004, e a lembrança que fica da Fabiane é a de uma menina linda e muito carinhosa com todo mundo. Fiquei muito triste quando soube da notícia”, disse a atriz.
 

Fabiane Niclotti (Foto: Reprodução/Facebook)Fabiane Niclotti (Foto: Reprodução/Facebook)

Entenda o caso
Fabiane Niclotti, de 31 anos, foi encontrada morta na noite de terça-feira, 28, em Gramado, na Serra Gaúcha. Ela já havia tentado tirar a própria vida em outra ocasião. Segundo a cunhada de Fabiane, Carina Cavalim, somente os familiares tinham conhecimento que a modelo e estudante de direito sofria de depressão.

Segundo a Delegacia de Polícia Civil, tudo indica que foi suicídio. A informação foi confirmada pelo delegado responsável pelo caso, o inspetor Gustavo Celiberto Barcellos: “Nós estamos trabalhando na hipótese de suicídio e investigando se ela sofria de depressão. Parece que  ela já teria tentado se matar outras vezes”.

A morte foi noticiada inicialmente pelo G1 na manhã desta quarta-feira, 29. Também de acordo com a delegacia, o irmão da modelo relatou ter tentado telefonar para ela diversas vezes ao longo do dia. Fabiane não atendeu as ligações e então ele chamou a polícia.
 

Os agentes da Brigada Militar entraram na casa e encontraram o corpo da miss. “Ela estava sozinha na residência, não havia ferimentos e nenhuma lesão no corpo, o que reforça a hipótese dela ter se matado”, contou o inspetor. A perícia foi acionada e deslocada até a casa da moça, que fica em um condomínio residencial na Avenida Central da cidade. Barcellos informou que a investigação trabalha com a suposição de que a vítima teria morrido ao ingerir medicamentos.

Muito abalado, Maico Niclotti foi o único familiar a comparecer na delegacia para prestar depoimento. O delegado contou que a mãe da Miss, Valmir Niclotti, precisou ser hospitalizada ao receber a informação da morte da filha. Barcellos também disse que o corpo da modelo deve ser liberado pelo IML ainda nesta quarta-feira, 29, mas o resultado da autópsia deve demorar até 30 dias.

Fabiane Niclotti foi eleita Miss Rio Grande do Sul em 2003. No ano seguinte, conquistou a coroa de Miss Brasil. No mesmo ano, disputou o Miss Universo 2004, mas não se classificou entre as semifinalistas. Ela venceu a atriz Grazi Massafera na edição nacional do concurso deixando a ex-BBB em terceiro lugar.

 

 


Fonte: Ego.globo.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook