Últimas

Juiz brasileiro expulsa dois na final da Copa América e aumenta lista de polêmicas

Héber Roberto Lopes ouviu muitas reclamações de chilenos e argentinos, além de ter sido criticado nas redes sociais

Árbitro da final da Copa América Centenário, neste domingo, o brasileiro Héber Roberto Lopes conseguiu desagradar a todos em apenas 45 minutos. Conhecido por erros e polêmicas no futebol brasileiro, ele expulsou um jogador da Argentina e outro do Chile, o que acabou gerando muita reclamação e críticas dentro e fora de campo.

A primeira polêmica aconteceu aos 27min do 1º tempo, quando Messi partiu para o drible na intermediária, trombou com Marcelo Díaz e caiu. O juiz mostrou o segundo cartão amarelo para o chileno e o expulsou.

Depois, aos 41min, aconteceu a compensação. Marcos Rojo deu um carrinho em Arturo Vidal e foi expulso diretamente por Heber Roberto Lopes. Foi quando o juiz perdeu de vez o controle do jogo e ouviu reclamações dos dois lados até o fim do primeiro tempo. Em um jogo com tantos craques, ele virou o protagonista, mas de forma negativa. 

Héber é assim mesmo, um juiz espalhafatoso, que costuma chamar atenção nas partidas, inclusive por causa do exagero nas expulsões. Basta ver os números: ele expulsou oito jogadores nas suas últimas nove partidas. Foram 58 cartões neste período. Na Copa América Centenário, ele já tinha apitado o jogo entre Colômbia e Paraguai, em que expulsou Romero.

Héber inclusive já desagradou bastante o novo técnico da Seleção Brasileira, Tite. Em sua recém-lançada biografia, ele revelou um desejo curioso: queria que nunca mais Héber Roberto Lopes apitasse um jogo seu. Não apresentou argumentos para isso, mas o Corinthians, time anterior de Tite, já viveu uma sequência de dez jogos sem vitórias em partidas apitadas por Héber.

Mas não foi só Tite que reclamou duramente de Héber. Em 2014, antes de um clássico entre Atlético-MG e Cruzeiro, o técnico Marcelo Oliveira criticou o juiz por erros em um clássico mineiro anterior. “Todos do meio do futebol entenderam que ele errou naquele jogo do Independência. Se for escalado novamente, espero que volte sua situação normal”. Porém, Héber foi escalado e voltou a errar contra Marcelo Oliveira, dois dias depois. Leandro Damião cometeu uma falta dura em Edcarlos, foi avisado pelo quarto árbitro, mas Héber não marcou nada nem mostrou cartão.


Foto curiosa de Héber foi relembrada (Foto: Twitter/ Reprodução)

Com a arbitragem polêmica deste domingo, Héber virou destaque no Twitter, foi muito criticado por brasileiros, chilenos e argentinos, além de ser ironizado por algumas cenas curiosas, como uma foto ao lado de Keirrison e Rafinha, além de uma discussão com Carlos Tevez.

 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook