Últimas

México 'em casa', um coadjuvante argentino de luxo – os palpites de Goal para a Copa América Centenário

Editores e correspondentes direto dos Estados Unidos compartilharam suas opiniões sobre o torneio que se inicia nesta sexta-feira

A poucas horas do pontapé inicial da Copa América Centenário 2016, muitos se perguntam qual será a equipe que levantará o caneco em Nova Jersey na final do dia 26, assim como qual será o craque que irá conduzir sua seleção à glória continental. Pensando nisso, Goal foi saber dos editores dos principais países representados em solo americano, bem como correspondentes que irão acompanhar o torneio in loco durante o mês de junho.

Confira!


PAULINA GRAJEDA
Correspondente do México na Copa Centenário



(Foto: Getty Images)

Por que o México vai ganhar a Copa?
O time asteca tem tudo a seu favor para ser campeão do torneio: jogará como local em outro país, já que os Estados Unidos é um dos países com o maior número de mexicanos do mundo. Além disso, vários de seus futebolistas passam por grande fase, como Guardado, Héctor Moreno, Raúl Jiménez e Hirving Lozano, que vem de títulos nas ligas dos países em que atuam.

Chicharito Hernández, por sua vez, chega em excelente momento, e tanto Layún como Corona brilharam pelo Porto nesta temporada. Se já não fosse muito, o técnico Juan Carlos Osório estudou muito bem sua equipe, e também seus rivais.

Quem será o craque?
Andrés Guardado. O jogador do PSV passa por um grande momento, e foi o destaque muitas vezes no Campeonato Holandês. Além disso, foi também o melhor jogador da última Copa Ouro, em 2015, e tem tudo para brilhar também nesta competição.


ANDRÉS RESTREPO
Editor-chefe Goal Colômbia



(Foto: Getty Images)

Por que a Colômbia vai ganhar a Copa?
O time chega sem status de favorito, apesar de contar com grandes nomes em sua equipe. Ainda assim, a renovação da seleção promovida por José Pekerman pode levar o país cafeteiro a sua segunda Copa: seu futebol ficou mais ofensivo, e a velocidade é sua arma mais poderosa contra os rivais. O desastre de 2015 ficou para trás, e agora, com mais experiência e juventude, a glória pode chegar nos Estados Unidos.

Quem será o craque?
James Rodríguez demonstrou, no Mundial de 2014, no Brasil, que está à altura dos melhores jogadores do planeta. É verdade que não teve uma boa temporada no Real Madrid, o que pode se converter em uma motivação mais poderosa para sair com mais vontade para disputar cada partida. Terá, também, a responsabilidade de ser o capitão e líder da equipe, que precisa a todo custo reverter a imagem deixada em Chile 2015.


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
CA100: O guia completo | Coutinho: foco jogo a jogo | Mais COPA AMÉRICA


MATHEUS HARB
Correspondente do Brasil na Copa Centenário



(Foto: Lucas Figueiredo/MoWa Press)

Por que o Brasil vai ganhar a Copa?
É bem verdade que os critérios da CBF para a escolha dos jogadores deste elenco ainda é difícil de entender, mas, ao que tudo indica, o foco para a Seleção em 2016 está quase todo nos Jogos do Rio, em agosto: não só Neymar foi designado para o torneio, como um bom número de ‘olímpicos’ – alguns sem experiência nenhuma com a Amarelinha – foi chamado para a Copa dos Estados Unidos.

Se a pressão e a responsabilidade do favoritismo estão, por isso, diminuídas pelo próximo mês, há uma boa chance para o Brasil aproveitar a ‘descontração’ e render acima do esperado em junho. Dunga, afinal de contas, mostrou em 2007 o que seu time é capaz de fazer quando a desconfiança impera.

Quem será o craque?
Philippe Coutinho. O meia do Liverpool esperava há tempos uma chance para mostrar o que já vinha fazendo na Inglaterra e pode levar esse momento positivo para uma Seleção que precisa – e muito – de um nome capaz de fazer a diferença na ausência de Neymar. É bem verdade que Willian também pode ser este jogador mas, por ora, o ex-Vasco parece mais próximo de fazer um grande impacto.


LUCAS BERTELLOTTI
Editor Goal para a América Latina



(Foto: JUAN MABROMATA/AFP/Getty Images)

Por que a Argentina vai ganhar a Copa?
É a grande candidata a campeã deste ano. E, indo além, é a única seleção sob pressão para ganhar o torneio. Conta com as maiores estrelas, e com a continuidade de seu plantel e comissão técnica. Além disso, tem sede de revanche pela derrota de 2015. Não tem outra opção senão ganhar este título.

Quem será o craque?
Tirando a obviedade de Leo Messi, há um jogador na equipe que pode virar o homem que dita o tempo: Éver Banega. O meia do Sevilla é muito talentoso e, se se manter consistente e regular ao longo do torneio, seria o sócio perfeito de outros craques como Di María, Higuaín ou Sergio Agüero.

E pra você, qual será o campeão e o grande craque da Copa América Centenário?


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *