Últimas

Na lanterna, Botafogo começa a sentir a pressão por resultados

Mal momento do time do Brasileirão é reflexo dos erros individuais no time de Ricardo Gomes


GOAL Por Livia Muniz 


Uma massa de ar polar esfriou os ares do Rio de Janeiro esta semana. As temperaturas baixas na verdade são apenas uma amostra do inverno que ainda está por vir, e a chuva e o frio só devem piorar nos próximo meses. Não, não estamos aqui para falar sobre o clima, mas o momento do Botafogo no Campeonato Brasileiro pode ser tão desagradável quanto uma manhã fria e nebulosa na cidade.  


GOALVEJA TAMBÉM: GOAL
Erros derrubam o Bota | Dopings no futebol brasileiro | Sporting segura Barcos


O time de Ricardo Gomes é o lanterna da tabela, com apenas quatro pontos conquistados em seis rodadas. Não é para menos que, apesar dos termômetros marcarem 20 graus em General Severiano, a temperatura subiu durante o treino desta terça-feira, quando membros de uma torcida organizada invadiram o gramado para cobrar os jogadores.  

O Botafogo tem sofrido muito com os últimos resultados, ainda mais porque em algumas partidas tiveram um bom jogo coletivo, algo que Ricardo Gomes já tinha conseguido explorar na disputa do Cariocão. Mas Estadual não é Brasileirão, onde qualquer erro individual pode ser fatal. E isso vem acontecendo muito com o Botafogo.  

Se o ataque alvinegro sempre foi uma preocupação, a defesa está deixando o time ainda mais desequilibrado. Antes da estreia, Jefferson sofreu uma grave lesão e Helton Leite assumiu sua posição. Uma falha do goleiro substituto culminou em derrota para o time reserva do São Paulo. A pressão foi tanta, que a diretoria optou por contratar Sidão, ainda que Helton siga como titular do Botafogo.  

Só que apesar de toda a desconfiança da torcida, não é justo colocar toda a culpa pela má fase do Botafogo neste começo de Campeonato em apenas um homem. Contra o Fluminense, por exemplo, a lambança de Bruno Silva e Emerson deu o gol à Fred. No último domingo, Bruno Silva voltou a errar marcando um gol contra diante do Santos. E quem está no meio para frente, mal consegue finalizar direito – nem mesmo na marca da cal, como fez Neilton na Vila Belmiro.  

O Botafogo está se movimentando para tentar se recuperar. Contratou os atacantes Anderson Aquino e Gustavo Canales, além dos meias Camilo e Dudu Cearense. Ainda espera os retornos dos lesionados Jefferson e Joel Carli, que dão muito mais segurança ao sistema defensivo. Mas enquanto não pode contar com suas melhores peças, precisa encarar a frente fria no fundo da tabela. 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook