'O futebol castiga', diz Bauza após derrota de virada do São Paulo

Após a derrota de virada para o Atlético-PR por 2 a 1 neste sábado (11), no Morumbi, pela sétima rodada do Brasileiro, o técnico do São Paulo Edgardo Bauza disse que o time foi castigado após ter perdido diversas oportunidades de ampliar o placar.

A equipe tricolor terminou o primeiro tempo com a vantagem de 1 a 0 no placar, porém, depois de chutar três bolas na trave – uma delas acertou os dois postes antes de sair– acabou cedendo o empate e tomando a virada no segundo tempo.

“Creio que a equipe fez a meu ver um bom primeiro tempo, onde logramos fazer a vantagem. E no segundo tempo tivemos, no contra-ataque, as possibilidades para definir a partida. O futebol te castiga, como aconteceu. Não pudemos definir. Tivemos quatro chutes na trave e acabamos perdendo”, explicou Bauza.

A derrota foi a segunda do time –tinha perdido para o Internacional em três partidas pelo Campeonato Brasileiro, no Morumbi, mas para Bauza o fato não diz muita coisa. Para ele, o grande número de desfalques e os erros nas finalizações foram determinantes para a derrota.

Além de Calleri, que foi liberado de última hora por causa da morte de seu melhor amigo, na Argentina, o treinador tinha outros dez desfalques, entre lesionados e convocados para a Copa América Centenário.

“Hoje, se estamos acertados, a partida termina 3 ou 4 a 0. Temos que ser mais precisos na hora de finalizar. Mas não esqueçamos que, do último jogo na Libertadores temos seis jogadores a menos. Não sei se esperamos que se recuperem. Hoje no banco havia cinco jogadores com menos de 20 anos. É o que temos e devemos enfrentar”, afirmou o comandante são paulino.

O treinador também comentou a situação de Alan Kardec, que, após a virada dos paranaenses, passou a ser hostilizado pela torcida do clube tricolor. O atacante marcou apenas um gol em 27 partidas nesta temporada.

“O que me diz a experiência é que, para superar isso, é a confiança. A confiança que damos cada vez que ele tem a oportunidade para jogar. Suas características são boas, mas ele não está passando por um bom momento, e a única forma para que recupere sua condição normal é jogando. Hoje não jogou bem, não fez uma grande partida, teve duas ou três chances, mas não pode convertê-las. Mas estamos dando as condições para que, ao longo das partidas, ele possa fazer o que sabe”, explicou Bauza.

Com a derrota, o São Paulo permanece temporariamente na sexta posição, com tem pontos. O Atlético-PR atinge também dez pontos na oitava colocação.

O São Paulo volta a jogar pelo Brasileiro na quarta-feira (15), novamente no Morumbi, contra o Vitória. O Atlético-PR vai a Campinas enfrentar a Ponte Preta, também na quarta.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook