Últimas

Painel FC: Decreto de Dilma transformou em remunerado cargo de presidente de órgão regulador do Profut

Decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff em 11 de maio, um dia antes de o Senado decidir por seu afastamento, transformou em remunerado o cargo de presidente da APfut.

A função, inicialmente, seria de prestação de serviço público,  sem salário, como dos outros nove membros do órgão criado para fiscalizar os clubes que aderiram à lei de responsabilidade fiscal do esporte. Em outro decreto, dia 1° de junho, o presidente interino Michel Temer manteve a alteração.

Sai… O advogado César Carrijo, que pertencia ao quadro de funcionários da Casa Civil no governo Dilma, presidiu a APfut por apenas três dias, já que assumiu na semana do afastamento.

…entra O novo ministro do Esporte, Leonardo Picciani, procura alguém de perfil técnico, como era Carrijo, para o cargo. Mas o fato de a função agora ser remunerada já fez ao menos uma pessoa rejeitar o convite para evitar conflito de interesses.

Valorização. Com proposta de cerca de R$ 25 milhões do Porto por 75% de seus direitos, o zagueiro Felipe foi contratado do Bragantino ao Corinthians por R$ 700 mil em dezembro de 2011. Em maio de 2015, o clube renovou seu contrato e estipulou nova multa rescisória, que era quase inexistente, para 10 milhões de euros (R$ 38,7 milhões).

Na mira. Chamou a atenção de membros da Fifa a assinatura do vice-presidente da entidade, o camaronês Issa Hayatou, no último contrato de trabalho do ex-presidente da entidade, Joseph Blatter. O documento tem data de 30 de maio de 2015, três dias depois de o escândalo de corrupção no futebol vir à tona e da prisão de dezenas de cartolas.

Dinheiro. O documento dava a Blatter a partir daquele data salário anual de R$ 11 milhões, mais bônus variáveis de R$ 5,5 milhões por ano e R$ 43 milhões de bonificação após os quatro anos de mandato, em caso de “sucesso”.

Papel. É a única assinatura de Hayatou nos documentos investigados.

Clássico. Entre 29 e 1° de julho, executivos do SporTV e do Esporte Interativo estarão frente a frente em um dos painéis do Congresso da ABTA (Associação Brasileira de TV por Assinatura), em São Paulo. Os canais têm disputado ferozmente os direitos de transmissão do Brasileiro a partir de 2019.

Tema. Fox Sports e ESPN também terão representantes no bate-papo, que falará sobre o crescimento das plataformas digitais.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook