Palmeiras tem três opções para centroavante, mas trauma de Cuca pode forçar contratação

Técnico entende que perdeu um título por falta de elenco, então agora quer ter sobra de opções no Campeonato Brasileiro

O Palmeiras ganhou um problema a mais nesta semana: Alecsandro foi suspenso por ter sido flagrado em um exame anti-doping e ficará pelo menos 30 dias sem jogar. A pena ainda pode aumentar. Apesar do time ainda ter três opções de centroavantes, o técnico Cuca já pediu a contratação de mais um, principalmente por causa de um trauma do passado.

Em 2007, o Botafogo disputou a liderança do Campeonato Brasileiro, mas caiu de produção. Cuca acredita que foi por causa de desfalques, pois faltou um elenco melhor naquela ocasião.

“O Botafogo era líder, jogava um futebol bonito. Uma vez no Mané Garrincha a torcida gritava que era melhor que a Seleção. Foi bonito de ver a alegria da torcida. O Dodô foi suspenso, o Túlio foi suspenso, teve um problema com o Jorge Henrique e acabou em oitavo. São aprendizados, não quero passar por isso de novo”, lembrou Cuca, em entrevista coletiva.


Alecsandro vinha fazendo uma boa temporada no Palmeiras (Foto: Friedemann Vogel/Getty Images)

Sem Alecsandro, Cuca tem optado por escalar Gabriel Jesus como centroavante. O garoto tem dado conta do recado, mas é provável que o técnico queira um jogador mais alto e mais forte. Lucas Barrios e Cristaldo até se encaixariam nesse perfil, mas ambos têm sofrido com muitas lesões nesta temporada. Rafael Marques também poderia se encaixar no perfil, mas seria outra improvisação. Então a preocupação de Cuca realmente faz sentido. 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook