Últimas

Rússia será excluída da Euro em caso de novos incidentes com torcedores

O tribunal disciplinar da Uefa decidiu nesta terça-feira (14) por uma “desclassificação em condicional” da Rússia da Eurocopa, o que significa uma exclusão imediata da seleção russa caso seus torcedores voltem a protagonizar incidentes dentro dos estádios até o fim do torneio.

A Federação Russa foi multada em 150 mil euros (aproximadamente R$ 580 mil) pelos tumultos provocados por seus torcedores, incluindo brigas, cânticos racistas e lançamentos de morteiros, no último sábado (11) após a partida contra a Inglaterra em Marselha, que terminou empatada por 1 a 1.

Ao mesmo tempo, as autoridades de Marselha anunciaram que alguns torcedores russos serão expulsos do país porque representam uma ameaça para a ordem pública após os incidentes de sábado.

A polícia realizava uma operação para verificar as identidades de 29 torcedores russos em um hotel da região de Marselha. A operação ainda não terminou, mas as autoridades decidiram enviar alguns para um centro de retenção antes da expulsão do país.

Os torcedores pretendiam viajar para Lille, onde a Rússia enfrentará na quarta-feira (15) a Eslováquia.

Em Moscou, o governo russo considerou “totalmente inadmissível” os incidentes violentos que envolveram hooligans russos ao redor da partida contra a Inglaterra.

“Não podemos fazer mais do que pedir a nossos torcedores que não reajam às provocações, independente de quais sejam”, afirmou o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

Os confrontos de sábado após a partida entre Inglaterra e Rússia deixaram 35 feridos em Marselha.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook