Últimas

São Paulo tem problema com quatro titulares antes de semi da Libertadores

A uma semana da partida mais importante do São Paulo no ano, contra o Atlético Nacional (COL), pela semifinal da Libertadores, o técnico do time tricolor, Edgardo Bauza, tem problemas graves para definir a equipe que enfrentará o time colombiano. Todos eles por causa de estiramentos na coxa.

Além da notícia mais recente e preocupante, sobre a possível ausência de Ganso após uma lesão na coxa, na vitória desta quarta (29), contra o Fluminense, no Morumbi, o treinador tem a certeza da ausência de um titular, e a possibilidade de outros dois desfalques na escalação que ele considera ideal.

O lateral esquerdo Mena e o volante Hudson são dúvidas para a partida. Ambos tiveram estiramentos na coxa direita. A de Hudson é mais antiga que a do chileno.

O volante sentiu a coxa na primeira partida após a classificação às semifinais da competição continental, contra o Inter, pelo Brasileiro, no dia 22 de maio. Mena sofreu jogando pela seleção chilena, durante a Copa América, no dia 7 de junho.

Hudson já jogou após a lesão. No empate em 0 a 0 contra o Sport, na quinta-feira (23), entrou na segunda metade do segundo tempo. Em campo não aparentou sentir a lesão, mas não treinou junto dos companheiros nesta semana e não foi relacionado para a partida contra o Fluminense.

Mena ainda está em tratamento, mas pode ser a surpresa no jogo de quarta-feira (6).

Também com estiramento, mas na coxa esquerda, o atacante Kelvin é desfalque certo. Sua lesão foi contra o Sport.

GANSO

Os resultados do exame de Ganso só saem na tarde desta quinta (30), mas, após a partida, o médico do São Paulo, José Sanchez, afirmou que o quadro clínico do meia aponta para um estiramento, uma lesão que requer um tratamento longo.

“Até que provem por via de exame, temos que pensar em estiramento, pelo quadro clínico. Mas às vezes, se pode ter uma surpresa agradável, não ser nada tão grave”, afirmou Sanchez.

Se o meia levar o mesmo tempo que Hudson e Mena para se recuperar, pode ficar de fora até das finais da Libertadores. As partidas estão marcadas para os dias 20 e 27 de julho.


Fonte: Folha.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook