Últimas

Sem coleta, lixo fica acumulado até em praias de São Vicente (SP)

Sem coleta há mais de uma semana em razão de uma greve dos trabalhadores, toneladas de lixo se acumulam em ruas, praças e até nas praias de São Vicente, cidade turística do litoral paulista.

Os montes de lixo incomodam os moradores, prejudicam o trânsito em algumas ruas e assustam os visitantes. Na Praia do Itararé, quem vai fazer caminhada precisa desviar dos monturos. Na Vila Voturuá, segundo os moradores, os ônibus deixaram de fazer o percurso normal porque algumas ruas ficaram intransitáveis pelo excesso de lixo.

Os trabalhadores da Companhia de Desenvolvimento de São Vicente (Codevasi), empresa controlada pela prefeitura e responsável pela coleta, estão em greve desde o dia 8 deste mês porque não receberam os salários de maio.

Nesta quarta-feira, eles fizeram uma passeata de protesto e, em assembleia, decidiram manter a paralisação até que os pagamentos sejam regularizados. O atraso atinge os 1.250 empregados. No mês passado, os trabalhadores já tinham paralisado o serviço por conta de atraso no adiantamento salarial.

A prefeitura reconheceu o problema e informou que fará uma reunião com lideranças dos trabalhadores na tarde desta quinta-feira, em busca de uma solução. A expectativa é de retomada da coleta ainda que em caráter emergencial. O município enfrenta queda de arrecadação decorrente da crise financeira. A prefeitura vem acumulando déficit mensal de R$ 14 milhões desde o ano passado.


Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook