Últimas

Transferência de Neymar para Barcelona custou R$ 428,8 milhões

Valores escondidos inicialmente, problemas tributários e bônus aumentaram o custo estimado do atacante

Passados três anos desde sua chegada ao futebol espanhol, estipula-se que Neymar custou quase o dobro do que o Barcelona anunciou inicialmente. O presidente do clube na época, Sandro Rosell, disse que pagou 57,1 milhões de euros (R$ 220,2 milhões). Mas agora o valor já é calculado em 111,2 milhões de euros (R$ 428,8 milhões). As informações são do jornal Marca.

Primeiramente, depois de analisar centenas de documentos, o Ministério Público da Espanha detectou irregularidades fiscais em um valor de 13,5 milhões de euros (R$ 52 milhões). Depois quando Rosell saiu da presidência do Barcelona e foi preso, o novo mandatário, Bartomeu revisou os dados da compra de Neymar e anunciou que sua compra na verdade custou 86,2 milhões de euros (R$ 332,4 milhões).


Neymar se adaptou rapidamente ao Barcelona e brilhou (Foto: Getty Images)

Questões esportivas também aumentaram o custo de Neymar. Como ele foi indicado ao Prêmio Bola de Ouro do ano passado, recebeu um prêmio como bônus, que estava previsto no contrato. O que também estava no contrato era um amistoso contra o Santos no Brasil. Até agora o clube não agendou essa partida e terá que pagar caso ela não ocorra. Essas duas questões contratuais aumentaram o valor para 106,2 mi de euros(R$ 409,6 mi).

Por fim, o clube terá que pagar 5 milhões de euros (R$ 19,2 milhões) para libertar Rosell e Bartomeu das acusações pelas quais foram julgados, todas relacionadas à transferência de Neymar. Dessa forma, o valor total chega a 111, 2 milhões de euros (R$ 428,8 milhões). E se for adicionado o salário que o brasileiro já recebeu nestes três anos, conclui-se que ele já custou 136,7 milhões (R$ 527,2 milhões) aos cofres do Barça.

 


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook