Vice de futebol do Grêmio reclama de arbitragem: "Meteram a mão"


Clube gaúcho ficou insatisfeito com a atuação do árbitro após o empate com o Fluminense

Não foram apenas os jogadores do Grêmio que ficaram irados com a arbitragem do empate com o Fluminense em 1 a 1 na noite deste sábado (11). O vice de futebol, Alberto Guerra, não poupou crítcias a André Luiz de Freitas Castro, que expulsou Ramiro por reclamação.

“O que aconteceu hoje aqui foi uma vergonha, meteram a mão no Grêmio. Esse vai ser conhecido como o jogo da mão.”, afirmou o dirigente.

“Certamente vamos tomar alguma ação devido aos fatos da partida de hoje.Não tem como não se indignar com o que aconteceu hoje aqui. Todo mundo se indignaria.”, completou.

O Grêmio saiu na frente, teve um jogador expulso e levou um gol numa jogada em que os atletas reclamaram toque de mão do atleta do Fluminense.

O capitão Maicon, que ao final foi conversar com o árbitro no centro do gramado, também se mostrou incoformado com a não marcação de um pênalti e com a expulsão do jogador. 

” A bola bateu na mão, todo mundo viu. E todo o jogador xinga, é normal”, finalizou.


Fonte: Goal.com

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook